Larry W. Smith/EFE - 5/3/2011
Larry W. Smith/EFE - 5/3/2011

Em mais um vexame, Miami Heat perde para o San Antonio Spurs

Equipe dos astros LeBron James e Dwyane Wade foi massacrada fora de casa por 125 a 95

AE, Agência Estado

05 de março de 2011 | 10h06

SÃO PAULO - Equipe de melhor campanha na temporada 2010/2011 da NBA, o San Antonio Spurs massacrou o Miami Heat por 125 a 95, em casa, na noite de sexta-feira, e confirmou a sua espetacular campanha como mandante, agora com 29 vitórias em 31 jogos. A partida foi acompanhada pelo argentino Rubén Magnano, técnico da seleção brasileira masculina de basquete, que viu Tiago Splitter atuar por 12 minutos, com cinco pontos e três rebotes. O argentino Manu Ginobili anotou 20 pontos e Tim Duncan conseguiu um "double-double", com 14 rebotes e 11 pontos.

A grande surpresa foi a escalação de Tony Parker no Spurs, já que a expectativa era que o francês desfalcasse a equipe por duas semanas após sofrer lesão na panturrilha esquerda. E ele teve boa atuação, com 15 rebotes e oito assistências. LeBron James foi o cestinha da partida com 26 pontos, mas não conseguiu evitar a terceira derrota seguida do Heat, que teve Chris Bosh como outro destaque, com 17 pontos e 14 rebotes.

O New Jersey Nets derrotou o Toronto Raptors por 116 a 103, em partida realizada na cidade de Londres, na Arena O2. Desde 2003, quando o Seattle Supersonics - hoje Oklahoma City Thunder - enfrentou o Los Angeles Clippers no Japão, uma partida do campeonato da NBA não era realizada fora do continente americano. O triunfo encerrou uma sequência de seis derrotas do Nets e foi a primeira vitória de Deron Williams desde a sua chegada ao time.

O ex-jogador do Utah Jazz conseguiu um "double-double", com 16 pontos e 11 assistências, assim como Kris Humphries, com 18 pontos e 17 rebotes. Brook Lopes também se destacou pelo Nets, com 25 pontos. DeMar DeRozan, do Raptors, foi o cestinha da partida com 30 pontos. Já o brasileiro Leandrinho Barbosa anotou oito pontos nos 19 minutos em que esteve em quadra.

O Los Angeles Lakers ampliou a usa invencibilidade após a realização do All-Star Game para seis jogos ao superar o Charlotte Bobcats por 92 a 84, em casa, e diminuiu a sua desvantagem no confronto direto com o adversário, agora com seis vitórias em 14 partidas. Kobe Bryant foi o cestinha do jogo com 27 pontos, o espanhol Pau Gasol fez 20 pontos e obteve dez rebotes e Lamar Odom somou 12 pontos e 11 rebotes. D.J. Augustin, com 22 pontos, foi o principal jogador do Bobcats, que sofreu a terceira derrota seguida.

Em um duelo de astros da NBA, o Chicago Bulls derrotou, fora de casa, o Orlando Magic por 89 a 81, liderado por Derrick Rose, que foi o cestinha da partida com 24 pontos. Dwight Howard foi o principal jogador do Magic, com 20 pontos e dez rebotes.

Resultados de 4 de março:

New Jersey Nets 116 x 103 Toronto Raptors

Orlando Magic 81 x 89 Chicago Bulls

Philadelphia 76ers 111 x 110 Minnesota Timberwolves

Atlanta Hawks 104 x 111 Oklahoma City Thunder

Boston Celtics 107 x 103 Golden State Warriors

New York Knicks 115 x 119 Cleveland Cavaliers

Memphis Grizzlies 91 x 98 New Orleans Hornets

Dallas Mavericks 116 x 108 Indiana Pacers

Milwaukee Bucks 88 x 102 Phoenix Suns

San Antonio Spurs 125 x 95 Miami Heat

Los Angeles Lakers 92 x 84 Charlotte Bobcats

Jogos de 5 de março:

New Jersey Nets x Toronto Raptors

Washington Wizards x Minnesota Timberwolves

Houston Rockets x Indiana Pacers

Utah Jazz x Sacramento Kings

Portland Trail Blazers x Charlotte Bobcats

Los Angeles Clippers x Denver Nuggets

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.