Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Érika não irá a Pequim e será substituída por Graziane

Pivô da seleção brasileira de basquete sente forte dores da perna e está fora dos Jogos Olímpicos

Redação,

29 de julho de 2008 | 15h49

A Confederação Brasileira de Basquete (CBB) divulgou nesta terça-feira que a pivô Érika não poderá disputar os Jogos Olímpicos de Pequim, em agosto, devido a uma lesão. A informação foi confirmada pelo empresário da jogadora, Fábio Jardine.Com isso, ela será substituída por Graziane, que atua na mesma posição. "Lamento profundamente a ausência dela porque perdemos uma jogadora chave dentro do nosso esquema tático. Mas temos que olhar para frente e buscar a melhor forma de montar a equipe para as Olimpíadas. A Grazi está totalmente adaptada ao sistema da seleção e, com certeza, irá contribuir bastante para que a equipe tenha um bom desempenho", disse o técnico Paulo Bassul.De acordo com o empresário da atleta, ela estava se recuperando de uma fratura de stress e jogou domingo à noite uma partida da WNBA por sua equipe, o Atlanta Dream.Nos 31min19s que esteve em quadra, Érika marcou nove pontos, pegou 11 rebotes e deu duas assistências. No entanto, após o jogo a atleta voltou a sentir fortes dores na perna.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.