Espanha ganha e conquista o bi no Europeu de basquete

A Espanha segue absoluta na Europa. Além do futebol, em que a seleção é a atual campeã continental e mundial, o país domina o basquete masculino. Neste domingo, a equipe comandada pelo armador Juan Carlos Navarro e pelos irmãos Gasol (os pivôs Paul e Marc) conquistou o bi do Campeonato Espanhol ao derrotar a França por 98 a 85, na cidade de Kaunas, na Lituânia.

AE, Agência Estado

18 de setembro de 2011 | 17h40

Para faturar o segundo título europeu consecutivo - o primeiro, há dois anos, aconteceu na Polônia -, a Espanha contou com boas atuações ofensivas de cinco jogadores: Navarro, os irmãos Gasol, Rudy Fernández e José Calderón, que marcaram mais de 10 pontos cada na decisão. O cestinha foi Navarro, com 27 pontos. Pau Gasol, astro do Los Angeles Lakers, fez 17 pontos e agarrou 10 rebotes.

Pela França, que não chegava à uma final do Campeonato Europeu há 62 anos, o destaque foi o armador Tony Parker. Maior pontuador da competição com média superior a 22 pontos por partida, o jogador do San Antonio Spurs anotou 26 neste domingo, mas não conseguiu parar a força ofensiva espanhola.

Espanha e França entraram em quadra, neste domingo, já classificados aos Jogos Olímpicos de Londres, no ano que vem. Rússia, Macedônia, Lituânia e Grécia conseguiram vaga para a disputa do Pré-Olímpico Mundial, que será realizado em junho do ano que vem, em local a ser definido. Os russos ficaram com a terceira colocação do Europeu ao baterem os macedônios por 72 a 68, em jogo disputado antes da decisão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.