AFP
AFP

Ex-jogador da NBA Kevin Garnett quer comprar o Minnesota Timberwolves

Atual dono diz estar aberto a ouvir propostas e ex-astro mostra interesse em assumir o clube onde jogou por 14 temporadas

AFP, O Estado de S.Paulo

22 de julho de 2020 | 14h31

Ao lado de outros investidores, o ex-astro da NBA Kevin Garnett está preparando uma oferta para adquirir o Minnesota Timberwolves, equipe onde jogou por 14 temporadas e cujo atual dono anunciou na terça-feira que está aberto a ouvir propostas.

O bilionário Glen Taylor, proprietário do Timberwolves desde 1994, escreveu na terça no Twitter que ouvirá propostas sobre a compra da equipe da NBA e do Minnesota Lynx da liga de basquete feminino (WNBA) com o conselho de uma empresa de investimentos. 

Em declarações ao site The Athletic, Taylor o empresário indicou que "vários grupos de potenciais proprietários manifestaram interesse em comprar o Timberwolves" e destacou que está considerando seriamente todas as opções, desde que garantam que a franquia permanecerá em Minnesota. 

Kevin Garnett, o melhor jogador da história do Timberwolves, confirmou logo após seu desejo de assumir o time onde começou e encerrou sua carreira na NBA. "Eu sou um dos grupos que está tentando", reconheceu em sua conta no Instagram Garnett, eleito 15 vezes para integrar o time de melhores jogadores da temporada da NBA. 

"Minha paixão pelo Minnesota Timberwolves para ser um time campeão é bem conhecida, mas tenho um carinho mais profundo pela cidade de Minneapolis", escreveu Garnett no Twitter.  "Não há duas pessoas que amam a cidade mais do que eu e Glen Taylor e estou ansioso para tentar trabalhar com ele para alcançar meu sonho", acrescentou o ex-jogador, que abandonou as quadras em 2016. 

Segundo o The Athletic, "Garnett e seu grupo estão preparando uma oferta para apresentar Glen Taylor para a compra dos Timberwolves (...) Para Garnett, essa oferta é pessoal devido ao seu nível de envolvimento com a franquia. Garnett quer comprar a equipe e mantê-la em Minnesota".

Mais de 1 bilhão de dólares

O ex-ala pivô de 44 anos de idade foi escolhido pelo Timberwolves diretamente do ensino médio com o número 5 no draft de 1995.  Em sua primeira temporada em Minnesota, Garnett conquistou vários prêmios individuais, incluindo o MVP ("Most Valuable Player", jogador mais valioso) em 2004, com uma média de 24 pontos, 14 rebotes e 2 bloqueios por jogo, e levou o Timberwolves à única final do torneio da Conferência Oeste que o time jogou desde que entrou na NBA em 1989. 

Garnett teve que deixar o Minnesota para ganhar seu único título de campeão na liga de basquete americana com o Boston Celtics em 2008. Ele também jogou pelo Brooklyn Nets e em 2015, depois de sete temporadas fora,, Garnett retornou ao Minnesota aos 38 anos para encerrar a carreira no Timberwolves.

Juntamente com o falecido Kobe Bryant e Tim Duncan, Garnett foi escolhido para entrar no Salão da Fama da NBA este ano, mas a cerimônia teve que ser adiada para 2021 devido à pandemia do coronavírus.  Segundo a imprensa, Glen Taylor, cuja fortuna é estimada pela Forbes em cerca de 3,1 bilhões de dólares (R$ 15,8 bilhões), solicitará pelo menos 1,2 bilhão de dólares (R$ 6,2 bilhões) para a venda dos Timberwolves.

 Falando ao The Athletic, Taylor disse que está com boa saúde aos 79 anos, mas precisa passar mais tempo com suas outras empresas nesse período incerto, devido ao impacto da pandemia da covid-19.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.