Twitter / Mogi Basquete
Twitter / Mogi Basquete

Ex-pivô de Franca, Mogi das Cruzes e Pinheiros, Fabião morre aos 40 anos

Atleta disputou NBB e se aposentou após lesão séria no joelho, aos 35 anos

Estadão Conteúdo

29 Janeiro 2018 | 13h34

O basquete brasileiro amanheceu de luto nesta segunda-feira. O ex-pivô Fábio Pires, o Fabião, morreu nas primeiras horas do dia em sua residência, aos 40 anos. A causa da morte não foi confirmada, mas, de acordo com pessoas próximas ao jogador, ele estava lutando contra uma pneumonia.

+ Lenda do Celtics e campeão olímpico em 1968, Jo Jo White morre aos 71 anos

Fabião se destacou no basquete na década passada e vestiu camisas importantes da modalidade, principalmente no estado de São Paulo. O pivô jogou por Franca, COC/Ribeirão Preto, Liga Sorocabana, São Caetano do Sul, Santo André, Guarujá, Santos, Pinheiros, Corinthians/Mogi e Mogi das Cruzes, além de rodar pelo basquete do Chile e do Equador.

Em 2013, Fabião rompeu os ligamentos do joelho vestindo as cores do Mogi das Cruzes pelo NBB, e inclusive chegou a mover uma ação na Justiça contra o clube na ocasião. A grave lesão e o tempo que ficou afastado até ser submetido a cirurgia - não possuía convênio e o time não tinha dinheiro para pagar a operação - praticamente selaram o fim de sua carreira.

A morte do ex-jogador foi lamentada nas redes sociais pela Liga Nacional de Basquete, responsável pela organização do NBB, e pelo Mogi das Cruzes. Fabião será enterrado ainda na tarde desta segunda-feira, no Cemitério da Paulicéia, em São Bernardo do Campo (SP).

Mais conteúdo sobre:
basquete

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.