Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
João Neto/LNB
João Neto/LNB

Flamengo derrota o Vasco no primeiro jogo do NBB no Norte do Brasil

Marquinhos e Olivinha foram os destaques da vitória conquistada no último quarto da partida

Estadão Conteudo

11 de março de 2017 | 18h38

Manaus viveu neste sábado um momento histórico para o basquete brasileiro. No primeiro jogo do NBB disputado na região Norte, Vasco e Flamengo protagonizaram um grande clássico na Arena Amadeu Teixeira, em duelo marcado pela festa das duas torcidas. Melhor para os rubro-negros, que venceram por 94 a 86.

O placar, contudo, aos menos neste sábado, ficou em segundo plano. Na "estreia" da região Norte no NBB, mais de quatro mil pessoas encheram a Arena Amadeu Teixeira e deram um clima festivo ao evento. Nem mesmo as goteiras no ginásio - que atrasaram o início da partida em alguns minutos - atrapalharam o ânimo de flamenguistas e vascaínos.

E, com a bola quicando, o duelo seguiu parelho até o final do primeiro tempo, que fechou com vitória do Flamengo por 43 a 41. Mas, na etapa final, com a boa atuação de Marquinhos (25 pontos) e Olivinha (16 pontos e 11 rebotes), a equipe deslanchou e ganhou com tranquilidade.

Essa foi a 17ª vitória em 23 partidas do Flamengo, que segue na liderança do NBB. Já o Vasco permanece na nona posição, com 12 triunfos em 24 jogos. "Nosso foco é a manutenção da liderança. Uma vitória como essa, em uma partida como essa, é muito importante. Foi muito legal ter as duas torcidas, todos puderam sentir esse calor do clássico. Isso mostra o poder do basquete e o que o basquete pode fazer no Brasil inteiro", comentou José Neto, técnico do Flamengo.

Já o ala/armador Hélio, apesar de lamentar a derrota, destacou a boa atuação do Vasco. "Vencer ou perder faz parte do esporte. É claro que ninguém no mundo queria mais essa vitória do que nós, mas o que levamos dessa partida foi que crescemos como time. Estamos buscando uma regularidade, formar uma equipe com alma, coração. Soubemos valorizar cada momento do jogo e isso foi bem válido."

Tudo o que sabemos sobre:
BasquetebasqueteFlamengoVasco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.