Reprodução/Time Flamengo Twitter
Reprodução/Time Flamengo Twitter

Flamengo supera Franca fora de casa e fatura sexto título do NBB

Clube carioca derrota rival de São Paulo por 81 a 72 e se isola como maior vencedor da competição

Redação, Estadão Conteúdo

08 de junho de 2019 | 17h50

O Flamengo é o campeão da temporada 2018/2019 do NBB, o campeonato nacional masculino de basquete. Mesmo atuando no lotado Pedrocão, o time carioca se impôs diante do Sesi Franca e o derrotou no Jogo 5 da final, fechando a decisão em 3 a 2, com o triunfo por 81 a 72. Esse é o sexto título do time carioca na história do NBB.

A vitória concluiu a virada do Flamengo na série decisiva, que chegou a ter o Franca em vantagem de 2 a 1. Mas o time do interior paulista não conseguiu levar o título no Jogo 4, vencido pela equipe carioca no Maracanãzinho no sábado passado, e agora viu o rival festejar a conquista no seu ginásio em um jogo cheio de altos e baixos.

Marquinhos liderou a produção ofensiva do Flamengo com 18 pontos, mesma pontuação de David Jackson pelo Franca. Olivinha se destacou no garrafão, com dez rebotes para o time carioca, além de ter marcado 12 pontos. Já Balbi foi o principal responsável pela criação das jogadas do campeão do NBB, com seis assistências. Ainda marcou 15 pontos e capturou seis rebotes.

Com o Pedrocão lotado - os 5,5 mil ingressos colocados à venda se esgotaram antecipadamente -, a decisão foi tensa, com direito a uma falta cometida por Lucas Dias no segundo inicial do duelo. E o Franca, mais nervoso, cometeu muitos erros, sendo batido facilmente no primeiro quarto, por 24 a 10.

O time buscou reagir no segundo quarto, mas o Flamengo manteve o controle da decisão, até ampliando a sua vantagem para 16 pontos - 45 a 29 - na saída do intervalo. Para piorar, o Franca perdeu Didi, um dos principais jogadores do seu elenco, lesionado.

No terceiro quarto, o Franca renasceu em quadra e esboçou ameaçar a conquista do Flamengo, chegando a diminuir a sua desvantagem para cinco pontos. Mas novamente o time carioca se impôs para evitar sustos maiores, começando o período final com uma frente de 12 pontos - 56 a 44.

O último período foi o mais emocionante da decisão. O Franca se aproximou no placar quando passou a converter arremessos de três. Mas seus jogadores experientes e cestas de Deryk e Olivinha nos minutos finais deram a tranquilidade que o Flamengo precisava para ser campeão do NBB.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.