Jonathan Daniel/AFP
Jonathan Daniel/AFP

Focado na NBA, Joakim Noah não deve jogar Europeu pela França

Pivô avisa que a sua prioridade neste momento é o Chicago Bulls

Estadão Conteúdo

04 Março 2015 | 13h05

A França dificilmente contará com Joakim Noah para a disputa do Campeonato Europeu de Basquete, que será realizado em setembro. Nesta quarta-feira, o pivô avisou que a sua prioridade neste momento é o Chicago Bulls, dando a entender ser improvável a sua presença no torneio continental, que vai ser disputado em quatro países: Croácia, França, Alemanha e Letônia.

Noah vive uma temporada difícil, com médias de 10,1 rebotes e 7,9 pontos, após passar uma cirurgia no joelho esquerdo antes do início do campeonato. E, em entrevista ao jornal esportivo francês L'Equipe, declarou que está se concentrando em sua carreira na NBA.

O pivô, de 30 anos, disputou um grande torneio pela França pela última vez em 2011, quando ajudou a sua seleção a terminar o Campeonato Europeu em segundo lugar. "A equipe francesa é uma grande experiência, mas nunca foi a minha prioridade", disse Noah.

O diretor técnico da Federação Francesa de Basquete, Patrick Beesley, pediu anteriormente para Noah confirmar até o final deste mês se irá participar do Campeonato Europeu. E ele deixou que claro que uma ausência também levaria o pivô a ficar fora dos Jogos Olímpicos de 2016, no Rio.

Assim, a tendência é que a França não conte com o jogador do Bulls no torneio continental e também na Olimpíada, caso a seleção obtenha a classificação para o evento no Brasil.

Mais conteúdo sobre:
basquete Joakim Noah NBA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.