Francisco Medeiros/ME
Francisco Medeiros/ME

Governo entrega equipamentos para equipes de basquete

Expectativa é de que os equipamentos sejam entregues a todos participantes do NBB até abril de 2014

AE, Agência Estado

23 de outubro de 2013 | 16h21

BRASÍLIA - Num investimento estimado de R$ 5,4 milhões, o Ministério do Esporte começou a fazer nesta quarta-feira, com a realização de um evento em Brasília, a entrega dos equipamentos para modernizar os ginásios das 17 equipes participantes da sexta edição do NBB, o campeonato nacional masculino de basquete - também serão contemplados dois times da liga de desenvolvimento, uma espécie de segunda divisão. O governo vai disponibilizar um piso flutuante desmontável, dois placares eletrônicos e um par de tabelas para cada um deles.

A expectativa é de que os equipamentos sejam entregues a todos participantes do NBB até abril. As primeiras contempladas foram as equipes de Brasília, Macaé e Ceará. "Os jogadores de basquete brasileiro nunca viram uma cerimônia como essa, que garante uma infraestrutura de qualidade às equipes e que garantirá o crescente desenvolvimento do basquete brasileiro em geral", comemorou Kouros Monadjemi, um dos dirigentes da liga que organiza o campeonato.

"A Presidência da República liberou os recursos para o esporte brasileiro porque garantimos o direito de sediar os Jogos Olímpicos de 2016. Estamos com os holofotes no esporte e estamos construindo tudo isso com uma visão de legado esportivo. Todas as ações do esporte brasileiro são voltadas a aproveitar esse momento dos grandes eventos. Quando chegarmos a 2017 e olharmos para trás, iremos colher o fruto desses investimentos", afirmou o secretário nacional de Esporte de Alto Rendimento do Ministério do Esporte, Ricardo Leyser.

Além da melhoria das condições de trabalho para os atletas, todos os ginásios do NBB passarão a ter o mesmo equipamento, uma padronização importante para a evolução do basquete brasileiro. "Essa padronização facilita para todos os jogadores. É um avanço enorme para todos aqui no Brasil", disse o ala Alex, um dos principais nomes do esporte no Brasil, que defende a equipe do Brasília e a seleção - também já teve passagem pela NBA nos Estados Unidos.

Tudo o que sabemos sobre:
basqueteMinistério do Esporte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.