Divulgação
Divulgação

Huertas brilha em nova vitória dos Lakers na pré-temporada

Brasileiro vem correspondendo e caindo nas graças da torcida

Estadão Conteúdo

20 de outubro de 2015 | 09h08

Marcelinho Huertas disputou na noite da última segunda-feira apenas seu segundo jogo de pré-temporada com o Los Angeles Lakers, mas este início de trajetória na NBA já foi suficiente para impressionar a exigente torcida californiana. Diante do Portland Trail Blazers, o armador brasileiro voltou a se destacar na vitória por 104 a 102, em sua primeira partida no tradicional Staples Center.

Huertas começou no banco e permaneceu em quadra por 20 minutos, nos quais anotou oito pontos e distribuiu oito assistências. A visão de jogo do armador, aliás, foi o que impressionou, com jogadas dignas do melhor basquete do mundo, como um passe por baixo das pernas para uma bola de três de Nick Young e uma conexão na ponte aérea para Tarik Black.

Se a torcida se impressionou com o armador, a imprensa local não ficou atrás. O jornal Los Angeles Times, por exemplo, o destacou na matéria do jogo. "Responda rápido: quem é o único verdadeiro armador do Lakers? Não Jordan Clarkson, não D''Angelo Russell. Marcelo Huertas vai ficar no elenco do Lakers porque é único armador puro. Nunca jogou na NBA, negou um salário de milhões de euros por um contrato não garantido no Lakers, mas já mostrou um arsenal de belos passes", dizia o início do relato.

Sem Kobe Bryant, o destaque da vitória do Lakers, além de Huertas, ficou por conta de Jordan Clarkson, cestinha da equipe com 17 pontos. Nick Young e D''Angelo Russell marcaram 12 cada um. O maior pontuador da noite, no entanto, saiu do lado do Blazers: o armador Damian Lillard, com 20 pontos.

Ainda na última terça-feira, o Cleveland Cavaliers derrotou o Dallas Mavericks, em casa, por 103 a 97, mesmo sem LeBron James. O astro voltou a ser desfalque depois de tomar uma injeção de anti-inflamatório nas costas na semana passada. Apesar disso, o técnico David Blatt garantiu que ele estará pronto para o início da temporada, terça que vem, contra o Chicago Bulls.

Sem o astro, e também sem o poupado Anderson Varejão, o destaque da vitória do Cavaliers ficou por conta de J.R. Smith, autor de 19 pontos, auxiliado pelos 13 de Matthew Dellavedova. Pelo Mavericks, o melhor em quadra foi o armador John Jenkins, que busca um espaço no elenco e terminou com 26 pontos e seis rebotes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.