Reuters
Reuters

Jogador da NBA pede para trocar de time e pode ser multado pela liga

JR Smith, do Cleveland Cavaliers, manifestou publicamente o interesse em sair da equipe em entrevista após partida; ato é considerado ilegal

Isabela Giantomaso, especial para o Estado, O Estado de S.Paulo

01 Novembro 2018 | 17h55

A NBA declarou nesta quinta-feira, 1, que vai analisar a situação de JR Smith, do Cleveland Cavaliers, após o atleta declarar interesse em deixar o time norte-americano. O ala-armador, que teve participação importante na conquista do título de 2016, manifestou a insatisfação na equipe através de uma conversa com um repórter, o que pode representar uma quebra dos termos da competição.

Na entrevista, dada após o final da partida entre Clevelans Cavaliers e Atlanta Hawks, na última terça-feira, Smith demonstrou estar descontente com seu tempo dentro de quadra e foi questionado se espera ser negociado. “Sim. Eles sabem. Eles não me querem aqui, então obviamente sabem”, afirmou.

A fala pode representar um pedido público de venda, o que fere o Acordo Coletivo da NBA. Em situação semelhante, Eric Bledsoe, ex-Phoenix Suns, foi multado na temporada de 2017 em US$ 10.000 (cerca de R$ 37 mil) após publicar no Twitter a mensagem “eu não quero estar aqui.” Ele acabou afastado e, em seguida, trocado para o Milwaukee Bucks.

Apesar de ser um dos grandes veteranos do Cavaliers, JR Smith está fora da rotação do time e sem tempo de jogo garantido. O atleta tem está com 33 anos, em sua 15ª temporada e com média de pontos de 2,5.

Crise no Cavs

A ex-equipe do astro LeBron James não começou a temporada 2018/19 em alta, com reformulação do elenco. Além disso, no domingo, 29, o técnico Tyronn Lue foi demitido após seis derrotas seguidas. O treinador foi substituído pelo assistente interino Larry Drew.

Nesta quinta-feira, o Cleveland Cavaliers joga contra o Denver Nuggets, às 20h, no horário de Brasília.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.