Michael Reaves / AFP
Michael Reaves / AFP

Jokic brilha, Nuggets vencem de virada e forçam o jogo 7 com os Clippers na NBA

Partida que definirá o adversário do Lakers na final da Conferência Oeste será na próxima terça

Redação, Estadão Conteúdo

13 de setembro de 2020 | 19h21

Após estar atrás no placar por 19 pontos, o Denver Nuggets conseguiu uma vitória heroica na tarde deste domingo e venceu o Los Angeles Clippers de virada por 111 a 98, forçando assim o jogo 7 da semifinal da Conferência Oeste da NBA. O próximo e decisivo duelo entre as equipes está marcado para acontecer na próxima terça-feira, às 22h (horário de Brasília).

Com o resultado, o Los Angeles Lakers, que carimbou sua vaga à decisão do Oeste ao despachar o Houston Rockets no sábado, irá esperar mais um pouco para conhecer seu adversário da próxima fase. Tudo isso muito por conta do pivô Nikola Jokic, que liderou a impressionante recuperação da franquia do Colorado e terminou a partida com 34 pontos.

Caso consiga virar sobre os Clippers e passar à final do Oeste, o Denver Nuggets se tornará a primeira equipe na história da liga a se recuperar de duas séries perdendo por 3-1 nos mesmos playoffs, uma vez que na rodada anterior, contra o Utah Jazz, conseguiu a mesma façanha.

Esta foi mais uma vez que os Nuggets conseguiram uma recuperação épica na série, sendo que agora evitaram a volta mais cedo para casa. Após estarem perdendo por 19 pontos de desvantagem restando 22 minutos para o fim do jogo, a equipe conseguiu se reerguer e forçar o decisivo duelo.

Os Nuggets chegaram a ir para os vestiários com 16 de desvantagem, diferença que chegou a ser maior no terceiro quarto. Foi quando, restando pouco mais de oito minutos para o fim da parcial e, com o placar em 73 a 55 para a equipe de Los Angeles, o time de Denver começou a reagir.

Nos dez minutos seguintes, a franquia do Colorado aplicou uma sonora sequência de 30 pontos, enquanto os Clippers anotaram apenas oito no mesmo espaço de tempo. Ao todo, oito diferentes jogadores contribuíram com arremessos do perímetro e o déficit caiu para 85 a 81 com dez minutos para o fim.

Jokic foi o cestinha do jogo com seus 34 pontos, 14 rebotes e sete assistências, enquanto Jamal Murray ajudou com 21 pontos, Gary Harris anotou 16 e Michael Porter Jr., 13. Pelo Los Angeles Clippers, Paul George foi o maior pontuador, com 33 pontos, enquanto Kawhi Leonard anotou 25 e Lou Williams, vindo do banco de reservas, foi responsável por 14.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.