Jordan: dia de parar está próximo

O desespero ronda o Washington Wizards. O time perdeu a quinta partida consecutiva no domingo e não deve contar com o astro Michael Jordan nos próximos cinco jogos. A derrota, dessa vez, foi para o Miami Heat, por 92 a 80, em Miami. A cada partida, os Wizards afundam na classificação: estão em 12.º na Conferência Leste - já estiveram entre os oito melhores. Jordan, com tendinite nos joelhos, marcou apenas nove pontos e conseguiu cinco rebotes para sua equipe. O astro saiu de quadra no último quarto. "O jogo estava equilibrado, mas tive de ir para o banco quando senti que algo estava errado. No último quarto, mal conseguia me mover", disse Jordan. O astro da NBA admitiu que está cansado: "Para essas dores não adiantam dois dias de descanso. Vou parar o tempo necessário para me recuperar e ficar bem. Não posso ignorar o que meu corpo está dizendo." Na semana passada, Jordan não jogou contra o Charlotte Hornets; voltou à quadra contra o Detroit Pistons, no sábado, quando marcou 37 pontos. "Estou ficando velho. Isso é sinal de que o dia de parar está se aproximando."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.