Jordan precisará de tempo, diz Magic

Magic Johnson está feliz com a volta de Michael Jordan ao basquete, pelo Washington Wizards, mas pede tempo para que ele possa recuperar o ritmo de jogo. Um dos mais geniais jogadores que a NBA já teve, o ex-armador Magic disse que será muito interessante ver o que acontece no decorrer da temporada, mas acha que o público, especialmente no início, precisa ter paciência e entender que embora as idéias do astro estejam claras, as pernas não são as mesmas."Se os profissionais que chegam das férias de verão ainda precisam de um tempo para o processo de adaptação depois dos treinos, Jordan vai precisar muito mais depois de três anos parado", explicou Magic Johnson, que, no entanto, acredita que haverá grandes jogos: "O confronto entre a estrela veterana e as novas promessas, como Kobe Bryant, Vince Carter, Allen Iverson e Tracy McGrady, será muito interessante mas, como sempre, apostarei 80% em Jordan."O técnico Phil Jackson, que dirigiu Jordan nos seis títulos conquistados com os Bulls e hoje comanda os Lakers, aprova o retorno. Mas com uma ressalva: "Vai ser maravilhoso para o basquete e desejo o melhor para ele. Mas estou desapontado porque ele não aceitou meu convite para jogar com os campeões." Os Lakers ganharam a última temporada. Dia 12 de fevereiro, os dois se enfrentarão pela primeira vez, em Los Angeles.Se resolvesse jogar nos Lakers, Jordan talvez não fosse muito bem recebido pelo pivô Shaquille O?Neal, que demonstrou confiança recentemente ao comentar com um colunista do Washington Post: "Bro, 39 ain?t 29" - algo como "meu irmão, 39 não são 29", referindo-se à idade de Jordan, que completa 39 anos em fevereiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.