C J Gunther/EFE
C J Gunther/EFE

Kevin Garnett é suspenso para segundo jogo da série Celtics-Heat

Depois de propositalmente golpear com o cotovelo o rosto de Quentin Richardson, ala do Boston está fora do próximo duelo

EFE,

19 de abril de 2010 | 13h21

O ala do Boston Celtics, Kevin Garnett, foi suspenso para o segundo jogo da série contra o Miami Heat por ter golpeado com o cotovelo de forma intencional o rosto do ala Quentin Richardson, durante o quarto período do primeiro encontro que as equipes disputaram.

O relatório da suspensão foi feito pelo vice-presidente executivo de operações da NBA, Stu Jackson.

Enquanto Garnett foi suspenso para o segundo jogo da série melhor de sete, Richardson foi multado com US$ 25 mil (aproximadamente R$ 45 mil) por ter tomado parte na briga.

Garnett foi sancionado com falta técnica e expulsão na desordem quando faltava 40 segundos para o final do jogo que o Celtics ganhou por 85 a 76.

O árbitro Joe DeRosa divulgou um comunicado depois do jogo no qual explica que "(Garnett) foi expulso por golpear com o cotovelo Quentin Richardson. Ele já tinha uma falta técnica prévia, mas com a briga, quando bateu em Richardson, obteve sua segunda técnica e foi expulso".

Depois do jogo, Richardson disse que tanto Garnett como Paul Pierce "são uns atores".

Enquanto isso Garnett declarou que era melhor evitar uma guerra de palavras, mas reiterou que pensava que as ações de Richardson "são de muito pouca classe". Acrescentou que pedia desculpas a seus companheiros de equipe assim como a seu treinador Doc Rivers por todo o acontecido.

Garnett não está passando por seu melhor momento de jogo nem de controle em quadra e o incidente contra o Heat confirmou essa realidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.