AP
AP

Kings surpreende na prorrogação e encerra sequência de vitórias do Warriors

Equipe da casa derrota o rival de melhor campanha na temporada por 109 a 106

Estadao Conteudo

05 Fevereiro 2017 | 09h46

O Sacramento Kings recebeu o badalado Golden State Warriors na rodada de sábado da NBA e surpreendeu. Na prorrogação, a equipe da casa derrotou o rival de melhor campanha na temporada por 109 a 106 e mostrou que continua na briga pelos playoffs da Conferência Oeste.

O resultado levou o Kings a 20 vitórias, ainda na 11.ª colocação do Oeste, mas a somente dois triunfos do Denver Nuggets, que hoje estaria nos playoffs. Já o Warriors sofreu um inesperado tropeço após cinco vitórias seguidas, mas continua com folga na liderança da mesma conferência, com somente oito derrotas em 51 jogos.

Apesar da diferença das equipes na tabela, o Kings equilibrou o jogo e o manteve apertado durante os 48 minutos. No último segundo, Klay Thompson chegou a ter a chance da vitória para o Warriors, mas errou. Na prorrogação, o time da casa abriu vantagem, mas os visitantes voltaram a colar. Stephen Curry perdeu ótima oportunidade de virar o placar em uma bandeja e Draymond Green errou o arremesso de três derradeiro na tentativa de um último empate.

Mesmo com a derrota, Curry terminou como cestinha, com 35 pontos, além de nove assistências. Klay Thompson contribuiu com 26 pontos, mas Kevin Durant decepcionou e marcou somente 10. Pelo Kings, mais uma vez o destaque ficou por conta de DeMarcus Cousins, autor de 32 pontos, 12 rebotes e nove assistências.

Se o líder do Oeste tropeçou, o segundo colocado San Antonio Spurs aproveitou para se aproximar um pouco mais. Em casa, a equipe recebeu o embalado Denver Nuggets e venceu com extrema facilidade por 121 a 97, chegando ao 39.º triunfo na temporada. O Nuggets sofreu a 28.ª derrota.

Mais uma vez, o jogo coletivo do Spurs fez a diferença, com seis jogadores marcando ao menos dez pontos: Kawhi Leonard (19), Tony Parker, Manu Ginóbili, Jonathon Simmons (todos com 18), LaMarcus Aldridge (12) e Patty Mills (10). O cestinha, no entanto, saiu do lado adversário: o calouro Jamal Murray, com 20 pontos.

Pelo Leste, o Cleveland Cavaliers tenta escapar de seu pior momento na temporada e, para isso, derrotou o combalido New York Knicks por 111 a 104, mesmo fora de casa. Foi a segunda vitória seguida do líder da conferência, mas apenas a quarta nos últimos oito jogos. Já o Knicks somou mais uma derrota e é o 11.º do Leste.

Como de costume, LeBron James comandou a vitória do Cavaliers, com 32 pontos e 10 assistências, auxiliado pelos 23 pontos e 16 rebotes de Kevin Love. Lesionado, Kyrie Irving foi desfalque. Pelo Knicks, Carmelo Anthony acertou somente seis dos 20 arremessos que tentou e terminou com 17 pontos. Brandon Jennings anotou 23, além de 10 assistências.

Entre os brasileiros, Raulzinho ficou o tempo todo no banco no triunfo do seu Utah Jazz sobre o Charlotte Hornets por 105 a 98, em casa. Já Leandrinho atuou por 10 minutos e marcou quatro pontos em mais uma derrota do Phoenix Suns, lanterna do Oeste, por 137 a 112 para o Milwaukee Bucks, mesmo atuando no Arizona.

Confira os resultados de sábado da NBA:

Washington Wizards 105 x 91 New Orleans Pelicans

Atlanta Hawks 113 x 86 Orlando Magic

Indiana Pacers 105 x 84 Detroit Pistons

Miami Heat 125 x 102 Philadelphia 76ers

New York Knicks 104 x 111 Cleveland Cavaliers

Utah Jazz 105 x 98 Charlotte Hornets

Phoenix Suns 112 x 137 Milwaukee Bucks

San Antonio Spurs 112 x 97 Denver Nuggets

Minnesota Timberwolves 99 x 107 Memphis Grizzlies

Sacramento Kings 109 x 106 Golden State Warriors

Acompanhe as partidas da NBA neste domingo:

Brooklyn Nets x Toronto Raptors

Boston Celtics x Los Angeles Clippers

Oklahoma City Thunder x Portland Trail Blazers

Mais conteúdo sobre:
basquete

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.