Lakers ficam a uma vitória do tri

Agora, parece ser só uma questão de tempo para os Lakers conquistarem o tricampeonato da NBA. Depois da vitória por 106 a 103, já na madrugada desta segunda-feira, em New Jersey, a equipe de Los Angeles abriu 3 a 0 na série melhor-de-sete jogos contra o Nets. A próxima partida da final acontece na quarta-feira, novamente no ginásio Continental Airlines Arena. Será a chance do time de Kobe Bryant e Shaquille O?Neal confirmar sua supremacia na liga norte-americana de basquete - mesmo porque, até hoje ninguém conseguiu reverter uma desvantagem de 3 a 0 na decisão do campeonato.Jogando em casa, os Nets fizeram a melhor partida até agora na série final, já que tinha sido arrasados nos dois primeiros confrontos em Los Angeles. Depois de ter sido dominado nos dois períodos iniciais, o time de New Jersey empatou o jogo no terceiro quarto e proporcionou um final emocionante. No último segundo, Jason Kidd ainda tentou um arremesso que empataria a disputa e levaria a decisão para a prorrogação. Mas ele falhou.Mesmo com o arremesso errado no final, Kidd foi mais uma vez o destaque do Nets, com 30 pontos, 10 assistências e 5 rebotes. Kenyon Martin também teve boa atuação, ao marcar 26 pontos. Mas os dois não conseguiram superar a dupla de estrelas dos Lakers: Kobe Bryant, com 36 pontos (12 só no último quarto), e Shaquille O?Neal, com 35 pontos e 11 rebotes.Além de deixar os Lakers a uma vitória do título, o resultado deste jogo fez o técnico Phil Jackson igualar uma marca histórica da NBA. Ele empatou com Pat Riley em número de vitórias em playoffs: 155. Só que Phil Jackson tem melhor aproveitamento que o colega, já que perdeu apenas 54 vezes na fase decisiva, contra 100. Por isso, na quarta-feira, o treinador do time de Los Angeles pode bater um recorde e ainda conseguir seu terceiro tricampeonato da liga - foi campeão seis vezes com o Chicago Bulls.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.