Leandrinho é operado e ficará seis semanas afastado

Jogador do Phoenix Suns passou por cirurgia para corrigir um problema no gânglio do pulso direito

AE-AP, Agencia Estado

26 de janeiro de 2010 | 22h20

O brasileiro Leandrinho foi operado com sucesso, nesta terça-feira, para corrigir um problema no gânglio do pulso direito. A expectativa agora é que o jogador do Phoenix Suns fique até seis semanas afastado das quadras.

O problema começou a se manifestar na metade do ano passado, quando ele caiu e machucou o pulso durante uma partida da seleção brasileira. Em novembro, a lesão se agravou e Leandrinho chegou a ficar fora de algumas partidas.

O incômodo seguiu controlado à base de remédios, mas voltou a piorar no início deste ano, sobretudo após a partida contra o Chicago Bulls, na última sexta-feira. Assim, o clube optou pela cirurgia no final de semana.

Durante esta temporada, Leandrinho vem tendo média de 10,6 pontos, mas o aproveitamento de arremessos tem sido um dos piores de sua carreira. Gerente do time de Phoenix, Steve Kerr já havia afirmado que as dores estavam afetando os arremessos do brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.