Leandrinho não abandona a seleção

Em sua segunda temporada na NBA, o armador Leandrinho já está muito perto de disputar um playoff na melhor liga de basquete do mundo. Seu time, o Phoenix Suns, tem a segunda melhor campanha da competição, com 76,2% de aproveitamento (48 vitórias e 15 derrotas). Hoje, em uma teleconferência, ele fez um balanço da atual temporada e falou sobre a atual gestão da Confederação Brasileira de Basquete (CBB). Leandrinho discorda da posição de Nenê, que disse que não joga mais pela Seleção Brasileira enquanto Gerasime "Grego" Bozikis for o presidente da CBB. "Cada um tem uma cabeça. Eu não ligo muito para esse negócio de administração, quero estar sempre vestindo a camisa do meu país. Eu acho que todos os brasileiros precisam sentar e conversar, e se Deus quiser o Nenê vai mudar de idéia", disse o armador. O jogador também elogiou muito o companheiro de time, Steve Nash, estrela dos Suns: "Somos muito amigos. Ele tem me ajudado muito e a todo o time. Estamos ansiosos pelos playoffs."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.