Brian Snyder/Reuters
Brian Snyder/Reuters

Leandrinho se machuca em vitória do Phoenix Suns

Armador sofreu uma lesão no joelho esquerdo, ainda no primeiro quarto da vitória por 126 a 116

AE, Agencia Estado

19 de março de 2009 | 08h32

O armador Leandrinho sofreu uma lesão no joelho esquerdo ainda no primeiro quarto da vitória do Phoenix Suns sobre o Philadelphia 76ers, por 126 a 116, na noite desta quarta-feira, resultado que manteve as chances de classificação da equipe para os playoffs da NBA. O brasileiro começou a partida no banco de reservas e entrou a 2min15s do fim da etapa inicial.

Em quadra, Leandrinho cometeu uma falta, acertou um arremesso de dois pontos e errou outro, e quando foi tentar uma bandeja, a 26s do fim da etapa, acabou sofrendo a lesão, apontada pelo Suns como uma distensão no ligamento. A franquia ainda não sabe a gravidade do caso, que será reavaliado nesta quinta-feira. O Phoenix já vem jogando desfalcado de um de seus principais jogadores, o ala-pivô Amare Stoudamire, que só volta no mês que vem.

O pivô Shaquille O''Neal saiu como o cestinha da equipe, com 26 pontos e 11 rebotes, num dia em que outros três jogadores passaram dos 20 pontos: Jason Richardson, com 25, Steve Nash, com 24 e mais 10 assistências, e Grant Hill, com 21. Com 37 vitórias e 31 derrotas, o time do Suns segue em nono lugar na Conferência Oeste, a quatro vitórias do Dallas Mavericks, o oitavo colocado.

O outro brasileiro que atuou nesta quarta-feira teve melhor sorte: Nenê marcou 19 pontos e pegou sete rebotes, ajudando o Denver Nuggets a derrotar o Memphis Grizzlies por 111 a 109, fora de casa, num dia inspirado de Carmelo Anthony, que anotou 35 pontos, e Chauncey Billups, que conseguiu 18 pontos e 12 assistências. Com 44 vitórias e 25 derrotas, o Denver manteve a quarta posição na Conferência Oeste.

Jogando em casa e desfalcado de cinco jogadores, o Boston Celtics bateu o Miami Heat por 112 a 108, interrompendo uma sequência de duas derrotas. Sem Kevin Garnett, parado há algumas semanas, o Celtics ainda perdeu Ray Allen na última hora, por causa de uma lesão no cotovelo direito, e conseguiu a vitória graças a Paul Pierce, que anotou 36 pontos e pegou 11 rebotes, e Rajon Rondo, com 27 pontos e 10 assistências.

O jogo foi decidido apenas na prorrogação, depois que Pierce perdeu um arremesso com o placar empatado em 100 a 100 no último segundo. No tempo extra, os donos da casa dominaram a partida e não tiveram a vitória ameaçada. Com 51 vitórias e 18 derrotas, o Celtics segue em segundo na Conferência Leste. O Heat, que também não teve seu principal astro, Dwayne Wade, está em quinto, com 36 vitórias e 31 derrotas, e ainda não garantiu sua vaga nos playoffs.

Resultados desta quarta-feira:

Boston Celtics 112 x 108 Miami Heat

Indiana Pacers 85 x 95 Portland Trail Blazers

Charlotte Bobcats 104 x 88 Sacramento Kings

New York Knicks 89 x 115 New Jersey Nets

New Orleans Hornets 94 x 93 Minnesota Timberwolves

Milwaukee Bucks 80 x 106 Orlando Magic

Oklahoma City Thunder 96 x 103 Chicago Bulls

Memphis Grizzlies 109 x 111 Denver Nuggets

Houston Rockets 106 x 101 Detroit Pistons

Phoenix Suns 126 x 116 Philadelphia 76ers

Los Angeles Clippers 123 x 108 Washington Wizards

Jogos desta quinta-feira:

Atlanta Hawks x Dallas Mavericks

Cleveland Cavaliers x Portland Trail Blazers

Los Angeles Lakers x Golden State Warriors

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.