LeBron James sente torção e abandona treino dos EUA

Técnico Mike Krzyzewski acreita que problema não é grave; lesões de Howard e Wade preocupam para os Jogos

EFE

23 de julho de 2008 | 13h38

O ala LeBron James sentiu, nesta terça, uma torção de segundo grau no tornozelo direito e teve de abandonar o treino da seleção dos Estados Unidos de basquete, que se prepara para os Jogos Olímpicos de Pequim. A comissão técnica americana afirmou que a lesão não é grave, mas a forma como LeBron caiu sobre o pé do ala-armador Kevin Durant no momento da contusão preocupou seus companheiros de equipe. O treinador da seleção dos Estados Unidos, Mike Krzyzewski, disse que este não é o momento para se alarmar, e afirmou que é preciso esperar por mais detalhes médicos para fazer uma avaliação mais acertada sobre a contusão. "Penso que é uma pequena torção, e essa também é a opinião dos nossos preparadores físicos. Mas teremos de esperar até amanhã para saber se aconteceu algo mais sério", comentou Krzyzewski. O pivô Dwight Howard e o ala-armador Dwyane Wade se recuperam de lesão e preocupam para os Jogos Olímpicos. Nesta sexta-feira, os Estados Unidos enfrentam o Canadá no primeiro de seus cinco amistosos programados como preparação para os Jogos de Pequim. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.