Harry How / AFP
Harry How / AFP

LeBron se 'despede' do amigo Wade com vitória do Lakers sobre o Heat na NBA

Em outra partida, Bulls ensaia recuperação após derrota vergonhosa, mas perde para Sacramento Kings

Estadão Conteúdo

11 de dezembro de 2018 | 09h14

Em um jogo que pode ter sido o último entre os amigos LeBron James e Dwyane Wade, o Los Angeles Lakers derrotou o Miami Heat por 108 a 105, na rodada de segunda-feira da temporada regular da NBA, no ginásio Staples Center, em Los Angeles.

Com 28 pontos, nove rebotes e 12 assistências, LeBron foi mais uma vez o destaque do Lakers, que somou o segundo triunfo consecutivo, com seis vitórias nas últimas sete partidas. Pelo lado do Heat, Wade, de 36 anos, que anunciou a sua aposentadoria ao final desta temporada, marcou 15 pontos, mas errou nos segundos finais ao tentar desequilibrado uma cesta de três pontos.

No lance final do jogo, LeBron e Wade disputaram um rebote e terminaram a jogada com um grande abraço, antes de posarem para fotos com a camiseta do amigo.

Com 17 vitórias e 10 derrotas, o Lakers é o quinto na Conferência Oeste, enquanto que o Heat, que perdeu pela 15.ª vez em 26 jogos, é apenas o nono colocado na Conferência Leste.

Com 31 pontos de Paul George e 23 de Dennis Schroder, o Oklahoma City Thunder derrotou o Utah Jazz por 122 a 113. Russell Westbrook conseguiu um "triple-double" (dois dígitos em três fundamentos) com 12 pontos, 11 rebotes e 10 assistências.

Pelo Jazz, Donovan Mitchell anotou 19 pontos, enquanto que Rudy Gobert atingiu o 23.º "double-double" (dois dígitos em dois fundamentos) em 28 jogos na temporada, ao marcar 13 pontos e agarrar 14 rebotes. O armador brasileiro Raulzinho Neto jogou 20 minutos, marcou dois pontos, pegou dois rebotes e fez cinco assistências.

Com a 17.ª vitória após 25 jogos, o Thunder é o segundo colocado na Conferência Oeste. Já o Jazz é apenas o 13.º classificado, com 13 vitórias e 15 derrotas.

MASSACRE

Ainda traumatizado após a massacrante derrota do último sábado para o Boston Celtics por 56 pontos de diferença, o Chicago Bulls deu sinal de reação no primeiro tempo diante do Sacramento Kings ao vencer por 56 a 49. Mas De'Aaron Fox conseguiu 23 de seus 25 pontos no segundo tempo e liderou OA franquia da Califórnia para a vitória por 108 a 89. Fox acertou oito de seus 11 arremessos de quadro na parte final do jogo, após errar as cinco primeiras tentativas.

O Bulls, derrotado pela nona vez nos últimos 10 duelos, teve como destaque Zach LaVine, com 19 pontos, e Lauri Markkanen, com 13. O pivô brasileiro Cristiano Felício jogou dois minutos e não marcou pontos.

Com 14 vitórias e 12 derrotas, o Kings é o nono na Conferência Oeste, enquanto que o Bulls é o último colocado na Conferência Leste, com 22 derrotas e apenas seis vitórias.


Confira a rodada de segunda-feira da NBA:

Indiana Pacers 109 x 101 Washington Wizards

Philadelphia 76ers 116 x 102 Detroit Pistons

Boston Celtics 113 x 100 New Orleans Pelicans

Milwaukee Bucks 108 x 92 Cleveland Cavaliers

Chicago Bulls 89 x 108 Sacramento Kings

Dallas Mavericks 101 x 76 Orlando Magic

Oklahoma City Thunder 122 x 113 Utah Jazz

Denver Nuggets 105 x Memphis Grizzlies

Phoenix Suns 119 x 123 Los Angeles Clippers

Golden State Warriors 116 x 108 Minnesota Timberwolves

Los Angeles Lakers 108 x 105 Miami Heat


Confira a rodada de terça-feira na NBA:

Houston Rockets x Portland Trail Blazers

San Antonio Spurs x Phoenix Suns

Los Angeles Clippers x Toronto Raptors

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.