Mais dois se classificam às quartas da liga Sul-Americana

Deportivo Táchira da Venezuela e Regatas Corrientes da Argentina garantem vaga após rodada de sábado

Efe

02 de março de 2008 | 10h47

As equipes do Deportivo Táchira da Venezuela e Regatas Corrientes da Argentina se classificaram para as quartas-de-final da Liga Sul-Americana de basquete, após disputarem a segunda rodada do Grupo C da competição em Corrientes, no nordeste da Argentina. O time da Venezuela derrotou o campeão paraguaio Sol de América por 80 a 76 no estádio José Comtte.   O Regatas venceu o uruguaio Malvín por 79 a 77 no encontro de encerramento da rodada, que estava igualado no marcador há apenas 53 segundos para o final e que foi definido a favor dos argentinos com uma cesta de dois pontos de Damián Tintorelli quando restavam oito segundos para o final. No entanto, o Malvín tem possibilidades de passar de fase se vencer este domingo o Sol de América e ficar entre os melhores terceiros colocados.   O Regatas Corrientes, no qual se destaca o campeão olímpico argentino em Atenas 2004 Alejandro Montecchia, é a terceira equipe de seu país a passar para as quartas-de-final após as classificações de Boca Juniors e Libertad Sunchales. O Flamengo se classificou para as quartas-de-final com o primeiro lugar do grupo B, em Montevidéu, com três vitórias, sendo uma sobre o Libertad Sunchales, atual campeão da competição.   A participação brasileira começou com o Universo/Brasília disputando o quadrangular de Caracas. A equipe só conseguiu uma vitória, diante do Regatas Lima, por 120 a 62.   Porém, mesmo amargando derrotas para Boca Juniors (93 a 80) e Cocodrilos, da Venezuela (78 a 70), a equipe do Distrito Federal ainda pode se classificar como um dos melhores terceiros.   O primeiro e segundo colocados de cada um dos três grupos avança para quartas-de-final, assim como os dois melhores terceiros.

Tudo o que sabemos sobre:
Liga sul-americana de basquete

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.