Mavericks aplica pior derrota do Lakers em mais de 40 anos

O Dallas Mavericks continua provando que é a melhor equipe da NBA, e desta vez a vítima foi o Los Angeles Lakers, que sofreu sua pior derrota em mais de 40 anos. Mesmo jogando em casa, o time californiano foi atropelado pelos texanos por 108 a 72. Uma derrota como esta não acontecia com a franquia Lakers desde quando ela se mudou de Minneapolis para Los Angeles, em 1960. Além disso, a equipe nunca tinha marcado apenas 72 pontos em uma partida em sua história. O Mavericks, no entanto, tem motivos de sobra para comemorar. Esta foi a 17.ª vitória seguida do time na temporada regular. E o destaque dessa vez não foi o alemão Dirk Nowitzki (que foi bem e terminou com 19 pontos), mas sim o ala Josh Howard, com 24 pontos. Com o resultado, o Dallas (52-9) continua tendo a melhor campanha da temporada e lidera a Divisão Sudoeste. Apesar do vexame, o Lakers (33-31) continua na vice-liderança da Divisão Pacífico. Já os alas brasileiros Nenê Hilario, do Denver Nuggets, e Anderson Varejão, do Cleveland Cavaliers, venceram seus respectivos encontros na rodada. Nenê voltou a ser um dos destaques de sua equipe, na vitória do Denver sobre o Sacramento Kings por 113 a 101. O brasileiro, que ficou 30 minutos em quadra, marcou nove pontos, pegou seis rebotes e deu duas assistências na vitória do Nuggets. Anderson Varejão teve uma participação mais discreta. Depois de ficar em quadra por 25 minutos, Varejão marcou apenas três pontos, ao converter um de sete arremessos e um de dois lances livres. O ala capixaba comemorou ainda a sexta vitória consecutiva do Cleveland na temporada, desta vez sobre o Indiana Pacers por 99 a 88. Outros resultados da rodada da NBA:Toronto Raptors 120 x 119 Seattle Supersonics Los Angeles Clippers 80 x 98 Detroit Pistons Houston Rockets 103 x 92 Orlando Magic Boston Celtics 78 x 94 Chicago Bulls Miami Heat 106 x 104 Washington Wizards Portland Trail Blazers 106 x 87 Golden State Warriors

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.