Michael Jordan admite vício em cassinos

Ídolo da NBA ainda hoje, o lendário Michael Jordan, ex-astro do Chicago Bulls, escolheu o programa 60 Minutos, da CBS, que vai ao ar no domingo, para admitir que foi viciado em cassino. Jordan disse que já viveu o dilema de não poder levantar da mesa, mas garantiu que deixou o vício a tempo, para não comprometer o seu patrimônio e o de sua família.

Agencia Estado,

20 de outubro de 2005 | 18h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.