Brian Spurlock/ USA Today Sports
Brian Spurlock/ USA Today Sports

Michael Jordan vence processo contra empresa chinesa que usa seu nome

Nome 'Qiaodan' é como o astro é conhecido em mandarín

Estadão Conteúdo

08 de dezembro de 2016 | 13h55

Michael Jordan conseguiu uma importante vitória na Suprema Corte da China nesta quinta-feira. Desde 2012 o ex-jogador de basquete enfrenta uma batalha jurídica contra a Qiaodan Sports, empresa de material esportivo que utiliza seu nome para vender produtos, sem pagar direitos de imagem.

"Qiaodan" é como Michael Jordan é conhecido em mandarín. A empresa tem como símbolo um atleta saltando carregando uma bola, numa clara releitura de uma icônica foto de Jordan parando no ar para uma acertar uma bandeja com a camisa do Chicago Bulls. Além disso, ela produz tênis de basquete com o número 23, que o astro usava.

Apesar de todas essas evidências, Jordan sofreu derrotas em primeira e segunda instâncias em Pequim, quando os tribunais apontaram que não havia evidências suficientes. Agora, entretanto, a Suprema Corte deu ao ex-atleta o direito de uso sobre a marca registrada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.