Mil torcedores 'testemunham' vitória do Charlotte Bobcats na NBA

Em noite de nevasca e ginásio quase vazio, time da casa vence Memphis Grizzlies por 96 a 82

AE, Agência Estado

11 de janeiro de 2011 | 09h15

Por si só, o confronto entre Charlotte Bobcats e Memphis Grizzlies, duas das piores equipes da NBA, não gera muita expectativa. E o apelo fica ainda menor quando a cidade que recebe a partida é tomada pela neve. Foi o que aconteceu na noite desta segunda-feira, em Charlotte. Cerca de mil torcedores arriscaram-se a sair de suas casas para comparecer à Time Warner Cable Arena, ginásio com capacidade para 19 mil espectadores, para testemunhar o triunfo do time da casa por 96 a 82.

"A gente podia ouvir tudo o que os torcedores falavam. Foi divertido", disse o ala Matt Carroll, do Bobcats, que revelou que desistiu de jogar sua camisa para o público. "Olhava por todos os lados e não via ninguém." Cestinha da partida, com 27 pontos, o armador Stephen Jackson foi pragmático: "Sabíamos que teríamos de cumprir com nosso trabalho, que é jogar e conseguir a vitória sem se importar com o resto. Não podemos esperar que todos venham aqui com esse clima".

Apesar de ter sido visto por um público quase insignificante, esse foi o terceiro triunfo seguido do Bobcats, que alcançou sua melhor sequência na temporada. O time soma 14 vitórias e 21 derrotas.

O Grizzlies, por outro lado, amargou a segunda derrota seguida. A equipe errou 33 dos seus primeiros 42 arremessos e chegou a ter uma desvantagem de 16 pontos no segundo quarto. "Parecia que nossas mentes não estavam no jogo", admitiu O.J. Mayo. O destaque do time foi Zach Randolph, com 15 pontos e 15 rebotes.

O Houston Rockets quebrou uma série de cinco derrotas seguidas ao bater o Boston Celtics por 108 a 102. A equipe do Leste, por sua vez, perdeu o segundo consecutivo. Aaron Brooks foi o melhor em quadra pelo Houston, com 24 pontos, enquanto que Ray Allen e Marquis Daniels anotaram 19 pontos cada o Boston, que ainda não contou com Kevin Garnett, lesionado.

O Chicago Bulls contou com mais uma noite inspirada da dupla Derrick Rose e Carlos Boozer para derrotar o Detroit Pistons por 85 a 82 - foi a sétima vitória seguida da ex-equipe de Michael Jordan em casa. Rose marcou 29 pontos, dois a mais que Boozer. O Pistons chegou a estar com 12 pontos de vantagem no intervalo do jogo, mas não resistiu ao forte jogo ofensivo do rival nos terceiro e quarto períodos.

Resultados de 10 de janeiro:

Charlotte Bobcats 96 x 82 Memphis Grizzlies

Boston Celtics 102 x 108 Houston Rockets

Chicago Bulls 95 x Detroit Pistons 82

Jogos de 11 de janeiro:

Atlanta Hawks x Milwaukee Bucks

Philadelphia 76ers x Indiana Pacers

Washington Wizards x Sacramento Kings

Minnesota Timberwolves x San Antonio Spurs

Denver Nuggets x Phoenix Suns

Portland Trail Blazers x New York Knicks

Los Angeles Lakers x Cleveland Cavaliers

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.