Minnesota Lynx conquista o 3º título da WNBA nos últimos 5 anos

O Minnesota Lynx é, mais uma vez, o campeão da WNBA, a liga norte-americana de basquete feminino. Na noite de quarta-feira, a equipe conquistou o seu terceiro título nos últimos cinco anos ao superar em casa, em Minneapolis, o Indiana Fever por 69 a 52, fechando a série decisiva em 3 a 2.

Estadão Conteúdo

15 de outubro de 2015 | 09h33

Para isso, o Lynx contou com uma defesa sufocante, que permitiu ao Fever anotar apenas 12 pontos no segundo e terceiro períodos. Sylvia Fowles foi a cestinha da partida com 20 pontos e ainda conquistou 11 rebotes, além de ter sido eleita a MVP da final da WNBA. Seimone Augustus acrescentou 16 pontos e Rebekkah Brunson pegou 14 rebotes para o time de Minneapolis, que também foi campeão da WNBA em 2011 e em 2013.

Já a estrela Maya Moore teve atuação discreta, com apenas cinco pontos, mas isso não atrapalhou a vitória da equipe de Minneapolis. Tamika Catchings fez 18 pontos e conquistou 11 rebotes para o time de Indiana, que buscava o seu segundo título da WNBA, mas não teve êxito na primeira vez desde 2009 que o time campeão só foi conhecido no quinto jogo da série.

Campeão pela primeira vez em casa na WNBA, o Lyxn avançou aos playoffs com a melhor campanha da Conferência Oeste, tendo passado por Los Angeles Sparks e Phoenix Mercury antes de encarar o Indiana Fever na final.

Tudo o que sabemos sobre:
basqueteWNBAMinnesota Lynx

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.