Moncho exige espírito coletivo na seleção de basquete

Técnico espanhol terá o desafio de classificar o time masculino do Brasil para os Jogos Olímpicos de Pequim

Agência Estado,

12 de março de 2008 | 16h03

O espanhol Moncho Monsalve foi apresentado oficialmente nesta quarta-feira como novo técnico da seleção brasileira masculina de basquete. O treinador chega com o objetivo de classificar a equipe para os Jogos Olímpicos de Pequim. Veja também: Especial: Pequim, as cidades e os locais da Olimpíada 2008 "Não vai voltar a ocorrer o que aconteceu no Pré-Olímpico de Las Vegas. Exijo compromisso e respeito. Quem não respeitar o espírito coletivo, não estará na equipe", afirmou o treinador espanhol. Monsalve anunciará a lista de atletas para o Pré-Olímpico Mundial em 13 de maio e iniciará os treinamentos em 8 de junho, quatro dias após o término das ligas européias e uma semana depois do encerramento da NBA. O técnico espera contar com Nenê, que está se recuperando de um câncer de testículo. "Tomara que ele chegue em boas condições, porque é um dos melhores reboteiros do mundo. Mas, agora, a minha única preocupação é com o homem".  O Brasil está no Grupo A do Pré-Olímpico Mundial, ao lado do Líbano, adversário da estréia, em 15 de julho, e da Grécia, donos da casa. A última vez que a seleção participou dos Jogos Olímpicos foi em 1996.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.