Jasen Vnlove/USA Today Sports
Jasen Vnlove/USA Today Sports

NBA adia duas partidas do Chicago Bulls após franquia revelar 10º caso de covid

Com a nova baixa, equipe teria apenas oito jogadores à disposição para enfrentar Detroit Pistons e Toronto Raptors

Redação, Estadão Conteúdo

13 de dezembro de 2021 | 19h33

A NBA anunciou, nesta segunda-feira, o adiamento das partidas do Chicago Bulls contra o Detroit Pistons, na terça-feira, e o Toronto Raptors, na quinta-feira, após o anúncio de que dez jogadores foram diagnosticados com covid-19.

Nesta segunda-feira, os Bulls anunciaram que Alize Johnson tornou-se o décimo jogador da franquia a cair nos protocolos da covid-19. Ele se junta a Zach LaVine, DeMar DeRozan, Troy Brown Jr., Matt Thomas, Coby White, Javonte Green, Derrick Jones Jr, Ayo Dosunmu e Stanley Johnson. Com isso, a equipe só conta com oito jogadores à disposição.

A principal liga profissional de basquete dos Estados Unidos não anunciou quando serão disputados os dois jogos adiados. Os Bulls, que iriam receber os Pistons, afirmaram via redes sociais que os ingressos vendidos serão válidos para a data em que for agendado o jogo. Na quinta-feira, o Bulls viajariam para Toronto para enfrentar os Raptors.

O Chicago Bulls está em terceiro lugar na Conferência Leste, atrás do Brooklyn Nets e do Milwaukee Bucks, com 17 vitórias e 10 derrotas. Os Bulls perderam os últimos dois jogos que disputaram, contra o Cleveland Cavaliers e o Miami Heat.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.