Jeenah Moon/AFP
Jeenah Moon/AFP

NBA apresenta plano detalhado para retomada da temporada em 30 de julho

Incluindo protocolos rigorosos de saúde e segurança, jogos serão disputados em sede única, no complexo Walt Disney World Resort, na Flórida

Redação, O Estado de S.Paulo

26 de junho de 2020 | 17h19

A NBA e a NBPA (Associação Nacional de Jogadores de Basquete) anunciaram, nesta sexta-feira, um plano abrangente visando a retomada da temporada 2019-2020 em 30 de julho, incluindo protocolos rigorosos de saúde e segurança, com sede única no complexo Walt Disney World Resort, na Flórida, e o compromisso de promover ações coletivas no combate ao racismo e defesa da justiça social.

Além disso, a NBA e o Grupo Disney chegaram a um acordo que torna a Arena, o Field House e o Visa Athletic Center, equipamentos do centro ESPN Wide World of Sports, locais de disputas de todos os jogos do restante da temporada, recebendo as 22 equipes sem a presença de público.

"Trabalhamos em conjunto com a NBPA para estabelecer um plano de retomada que priorize saúde e segurança, num modelo justo de competição e oferecendo uma plataforma para tratarmos de questões de justiça social", afirmou Adam Silver, comissário da NBA. "Somos gratos à Disney, nossa colaboradora de longa data, pelo papel de anfitriã e por tornar esse retorno possível. Também agradecemos às autoridades de saúde pública e especialistas em doenças infecto-contagiosas pela ajuda e orientação na criação de protocolos e proteções médicas abrangentes."

Com formato aprovado, as 22 equipes participantes serão as oito com melhores campanhas em cada conferência e as seis franquias que se encontram, atualmente, pelo menos seis jogos atrás da oitava equipe nas duas conferências. O reinício da competição será com as equipes disputando oito partidas de classificação, jogos definidos com base nos confrontos restantes da temporada regular. A tabela completa será revelada nesta sexta-feira à noite.

Com a conclusão dos jogos restantes, as sete equipes de cada conferência com as melhores campanhas, combinando resultados da temporada regular e das últimas partidas de classificação, serão definidas para as posições de um a sete para os playoffs da NBA em cada conferência. 

Se a equipe com a oitava melhor campanha (considerando resultados da temporada regular e jogos restantes) de uma conferência estiver mais de quatro jogos à frente da nona colocada, a franquia que estiver ocupando a oitava posição estará classificada aos playoffs.

Caso a equipe com oitava melhor campanha estiver quatro jogos ou menos à frente da rival que ocupa a nona posição, as duas franquias vão se enfrentar uma série de até três partidas para definir o oitavo classificado. A nona equipe vai precisar vencer duas vezes para assegurar a vaga. À oitava equipe, uma vitória será suficiente para a classificação.

Entre os critérios para desempate aos playoffs será usada a campanha das equipes. Uma vez que estejam definidas as 16 equipes classificadas, os playoffs seguirão com o formato tradicional com quatro rodadas em séries melhor de sete partidas. Um possível último jogo das finais da NBA 2020 será em 13 de outubro.

A NBA e os parceiros de mídia e tecnologia estão contribuindo para uma melhora nas transmissões de jogos, no sentido de proporcionar aos fãs uma experiência de visualização interativa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.