NBB retoma a votação para o Jogo das Estrelas de domingo

Escolha do público por meio da internet havia sido paralisada na última sexta-feira devido à ação de hackers

Redação,

16 de março de 2009 | 17h01

Foi retomada nesta segunda-feira a eleição para o Jogo das Estrelas do NBB. O público já pode votar para escolher os jogadores de sua preferência para o evento que será domingo, às 13 horas, no Maracanãzinho.

A eleição havia sido suspensa na última sexta por causa da ação de hackers. Os internautas terão agora até esta terça, às 20 horas, para acessar o site www.liganacionaldebasquete.com.br e fazerem a sua escolha.

De acordo com os organizadores, todos os votos dados a partir dos 5 minutos de quinta e os da sexta foram retirados por causa da fraude. A Liga Nacional de Basquete (LNB) excluiu os votos dados irregularmente, corrigiu e recuou a votação aos números de quarta, à meia noite e cinco, usando backup que registrava as informações corretas. Os internautas que haviam votado na quinta e sexta devem repetir os seus votos.

Cada pessoa pode votar em 20 jogadores, quatro de cada posição (armador, lateral 2, lateral 3, pivô 4 e pivô 5). Os demais atletas que formarão os times A e B serão indicados pelos técnicos. Os participantes da votação popular foram escolhidos pelos treinadores de 12 equipes do NBB. Cada técnico fez uma lista com 30 nomes (seis em cada posição) de sua preferência. Os 30 atletas mais citados se classificaram para a fase de escolha do público.

Oito jogadores foram escolhidos por unanimidade entre os treinadores. São eles os armadores Valtinho (Universo/Brasília) e Larry (Itabom/Bauru), os laterais 2 Alex Garcia (Brasília) e Duda (Flamengo/Petrobras), os laterais 3 Marcelinho (Flamengo) e Arthur (Brasília), os pivôs 4 Jefferson Williams (Flamengo) e Teichmann (Winner/Limeira), e os pivôs 5 Baby (Flamengo) e Murilo (Pitágoras/Minas).

Hélio Rubens Garcia, de 68 anos, que dirige o Vivo/Franca, e Cláudio Mortari, de 60, que comanda o Pinheiros, os dois técnicos mais experientes do NBB, estarão à frente das comissões técnicas dos times do Jogo das Estrelas. Ari Vidal, técnico da seleção brasileira campeã pan-americana em 1987, hoje diretor de basquete do Flamengo, também estará em uma das comissões técnicas. Caberá aos fãs escolher mais dois técnicos para o comando das equipes.

O evento terá ainda antes da partida das estrelas o campeonato de enterradas e de arremesso dos três pontos.

Mais conteúdo sobre:
NBBbasquete.Jogo das Estrelas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.