Reprodução
Reprodução

Nenê Hilário é dispensado pelo Atlanta Hawks um dia depois de megatroca na NBA

Em um breve comunicado em seu site oficial, franquia da Geórgia anunciou a dispensa do brasileiro de 37 anos

Redação, Estadão Conteúdo

06 de fevereiro de 2020 | 12h12

Não durou um dia a permanência do pivô Nenê Hilário no Atlanta Hawks, para onde foi transferido depois de ser envolvido em uma megatroca na NBA na quarta-feira. Em um breve comunicado em seu site oficial, a franquia da Geórgia anunciou a dispensa do brasileiro de 37 anos, que ainda não entrou em quadra na temporada 2019/2020 por estar lesionado e agora tem o futuro incerto na liga.

Houston Rockets, ex-clube de Nenê Hilário, Denver Nuggets e Minnesota Timberwolves foram os outros times que participaram desta complexa negociação. Além do brasileiro, os Hawks receberam o pivô Clint Capela, também da franquia do Texas, e um dos jogadores mais importantes envolvidos na troca.

Nenê Hilário tem 965 partidas na NBA e estava no Houston Rockets desde a temporada 2016/2017. Na carreira, o brasileiro tem médias de 11,3 pontos, 6,0 rebotes e 1,1 roubadas de bola, além de 54% de aproveitamento dos arremessos de quadra. Com passagens por Denver Nuggets e Washington Wizards, o pivô tinha contrato não garantido para a próxima temporada, no valor de US$ 2,7 milhões (R$ 11,5 milhões), se não fosse transferido até o próximo dia 15.

A megatroca que envolveu o brasileiro foi a que envolveu o maior número de jogadores desde 2000, quando o New York Knicks enviou o pivô Patrick Ewing ao extinto Seattle Supersonics (hoje Oklahoma City Thunder). Los Angeles Lakers e Phoenix Suns também fizeram parte daquele negócio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.