Pistons vence e decisão será no 7º jogo

Os "Bad Boys" do Detroit Pistons, que vinham de uma derrota frustrante em seu ginásio com uma cesta de três pontos na prorrogação a 5,8 segundos para o final da partida, deram uma lição de personalidade ao vencer, na noite de ontem, o San Antonio Spurs por95 a 86, no sexto jogo das finais da NBA. O resultado empatou a série, 3 a 3, e levou a decisão da temporada 2004-2005 para a última partida, que será disputada quinta-feira, em San Antonio. O Pistons honrou o título de campeão, entrando em quadra para mostrar seu melhor basquete. O armador Chauncey Billups e o ala-armador Richard Hamilton foram os destaques do time de Detroit, com 23 e 21 pontos, respectivamente. O ala Rasheed Wallace também se destacou, com 16 pontos e, principalmente, por ser o autor da cesta decisiva quando faltava 1min25s para o encerramento da partida. Esses pontos deram à sua equipe uma vitória parcial de 91 a 86 que o San Antonio não conseguiu reverter. Tayshaum Prince foi outro que esteve em noite inspirada, marcando com eficiência o ala-armador argentino Emanuel Ginóbili, além de contribuir com 13 pontos, sete rebotes e quatro assistências. A defesa do atual campeão da NBA voltou a ser decisiva, ao forçar 11 perdas de bola do Spurs. Pelo San Antonio, destaque para Ginóbili, cestinha do time ao lado do ala Tim Duncan, ambos com 21 pontos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.