Porto Rico vence a China e fica perto das oitavas-de-final

Com nove pontos assinalados na prorrogação, Larry Ayuso praticamente garantiu a classificação do selecionado de Porto Rico às oitavas-de-final do Mundial de Basquete ao derrotar, nesta terça-feira, a China por 90 a 87, em jogo realizado em Sapporo, pelo Grupo D. Os porto-riquenhos, que agora têm duas vitórias e uma derrota, souberam aproveitar a saída do pivô Yao Ming de quadra, que estourou o número de faltas com quanto faltavam 4min40s para o final do último quarto. Sem Ming, o time de Porto Rico logo abriu seis pontos no tempo extra. Um tiro livre do chinês Wang Shipeng diminuiu a diferença para três pontos, mas isso não foi suficiente para mudar a história do jogo. A China acumula agora três derrotas no torneio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.