Pré-Olímpico entra em sua fase decisiva

O 11.º Torneio das Américas, válido como Pré Olímpico de Basquete Masculino, disputado em San Juan, em Porto Rico, começa para valer nesta segunda-feira, quando se inicia a segunda fase.Agora, é a hora de as equipes mostrarem seu valor. Os classificados do Grupo A, Argentina, Canadá, Porto Rico e México, enfrentam os melhores do Grupo B, Estados Unidos, Brasil, República Dominicana e Venezuela, com os quatro melhores, levando em consideração a campanha na primeira fase, garantem vaga nas semifinais. Os três melhores garantem vaga na Olimpíada de Atenas em 2004.Uma das vagas será, com certeza, para o Dream Team americano, que venceu, com facilidade, seus quatro jogos da primeira fase. Os americanos estão levando tão a sério a competição que até seus treinos estão sendo realizados sem acesso ao público e a imprensa.Restam, portanto, duas vagas. E para os brasileiros, que sonham com a Olimpíada, o desempenho na competição deve melhorar. A equipe continua errando muito. No sábado, contra a Venezuela, o time fez 96 a 89 (52 a 40), no Coliseu Roberto Clemente, em San Juan, com 20 pontos de Marcelinho. Mas, assim como contra os EUA e Ilhas Virgens, muitos passes e arremessos errados."Começamos o jogo determinados em garantir a vitória, o ataque funcionou muito bem e melhoramos nosso aproveitamento nos lances-livres. Já na defesa cometemos muitos erros e isso acabou prejudicando nosso desempenho", reconheceu o pivô Anderson Varejão. "O mais importante foi conseguir a vitória. Foi uma partida difícil contra um adversário que joga duro e em alguns momentos comete jogadas desleais", concluiu o pivô Nenê.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.