Rosana Gomes/Divulgação
Rosana Gomes/Divulgação

Primeiro campeão por Ourinhos, Edson Ferreto é demitido após péssima campanha

Diretoria pretende reformular elenco sob o comando de técnico jovem e se empenha na contratação de 'nova Janeth'

O Estado de S. Paulo

22 de março de 2013 | 15h57

SÃO PAULO - A diretoria da equipe feminina de basquete de Ourinhos demitiu, na manhã desta sexta-feira, o técnico Edson Ferreto, que comandou a equipe na pior campanha de sua história na Liga Feminina. Ourinhos perdeu os oito jogos que disputou na competição e foi eliminado nas quartas de final por Americana.

Em entrevista ao jornal "Diário de Ourinhos", Antônio Passos, integrante da diretoria, afirmou que a saída do treinador "faz parte de um projeto de reestruturação da equipe e para isso pretendemos trazer um técnico mais jovem, que tenha um pefil renovador e monte uma equipe mesclada com atletas experientes e jovens talentos que estão despontando e que tenham potencial para se tornar grandes jogadoras nos próximos anos".

Técnico de Ourinhos na conquista de seu primeiro título importante, o paulista de 2000, Ferreto chegou a Ourinhos embalado por grande expectativa. No ano passado, foi vice-campeão paulista. Com a redução do poder de investimento de Ourinhos, a equipe perdeu importantes jogadoras nesta temporada, como Chuca, Bethânia, Plutin e Damiris.

O objetivo da diretoria, que pretende anunciar um novo treinador na próxima semana, é formar um grupo com condições de conquistar o título do Campeonato Paulista, que começa em agosto. Ourinhos não é campeão estadual desde 2009.

O empresário Francisco Eroides Quagliato, mecenas do basquete ourinhense há muitos anos, anunciou disposição de investir. Na semana passada, deixou escapar que a equipe se empenha na contratação de uma nova "Janeth", que está disputando a LBF.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.