Steven Hirsch/EFE
Steven Hirsch/EFE

Raymond Felton é solto após pagar fiança e pode viajar com os Knicks

Armador do time de Nova York foi preso por porte ilegal de armas e teve de desembolsar US$ 25 mil

AE, Agência Estado

26 de fevereiro de 2014 | 11h28

NOVA YORK - Preso no início da madrugada da última terça-feira após receber três acusações de porte ilegal de arma de fogo, Raymond Felton, armador do New York Knicks, foi solto ao pagar uma fiança estipulada de US$ 25 mil, depois de ter comparecido a uma audiência diante de um juiz de Manhattan, em Nova York.

Sem licença para portar arma, o jogador de 29 anos ainda teve emitida contra si uma ordem de seis meses de proteção e afastamento de sua esposa, Ariane Raymond Felton, que foi encarregada de levar o revólver aos policiais após o atleta ter supostamente a ameaçado com o mesmo.

Apesar das punições que recebeu na Justiça, Felton não tem restrições legais para poder viajar para fora de Nova York e com isso a sua presença em quadra no jogo diante do Miami Heat, na Flórida, nesta quinta-feira, é esperada, assim como a sua volta aos treinos nesta quarta.

Uma nova audiência com a presença de Felton foi marcada para o dia 2 de junho, depois de o armador ter se entregado à polícia pouco depois de ter defendido o Knicks na derrota para o Dallas Mavericks, por 110 a 108, no Madison Square Garden, na rodada de segunda-feira da NBA.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.