Real Madrid estuda oferta para disputar a NBA em 2009

Depois de fechar a participação em um carro da Fórmula 1 na próxima temporada, o Real Madrid pode ingressar na NBA nos próximos anos. Isso porque o presidente do clube espanhol, Juan Ramón Calderón, recebeu uma oferta da liga norte-americana de basquete de jogar o torneio a partir de 2009. O projeto pretende contar com mais três franquias sediadas na Europa. Segundo o mandatário do clube madrileno, ele recebeu garantias da própria NBA de contar com todos os jogadores espanhóis que jogam atualmente na liga, incluindo os pivôs Pau Gasol (Memphis Grizzlies) e Jorge Garbajosa (Toronto Raptors), que foram campeões mundiais pela Espanha no Japão, neste ano."Se, em 2009, o Real Madrid for a única equipe espanhola a ingressar na NBA, a liga nos assegurou a contratação de todos os jogadores espanhóis em atividade, por questões óbvias de marketing e comerciais. Se eles nos garantiram isso, tenho que acreditar", disse Calderón.De acordo com o mandatário do Real, a NBA planeja a entrada de quatro franquias européias no calendário, incluindo todas na Conferência Leste. Cada time poderia jogar até oito partidas seguidas na Europa, para simplificar o calendário e diminuir custos e o deslocamento.Para concretizar a proposta, os espanhóis terão que desembolsar 600 milhões de euros (cerca de R$ 1,74 bilhão) para adquirir uma franquia, salários de atletas e obras de modernização e adequação do Ginásio Pabellón. A construção da nova arena começará em seis meses.Por fim, o presidente madrileno disse que somente o Milan demonstrou interesse em participar do projeto. Times da França, Alemanha, Grécia, além do Barcelona, também foram procurados pelos dirigentes da NBA, mas não deram respostas positivas.Atacando na F-1No dia 23 de outubro, o Real Madrid anunciou que estabeleceu um acordo com uma das escuderias que disputarão a Fórmula 1 em 2007 para que um carro seja totalmente pintado nas cores do clube e tenha o escudo estampado durante o Grande Prêmio da Espanha, que acontecerá no dia 13 de maio, no Circuito de Montmeló, que fica em Barcelona.Calderón não revelou o nome da escuderia. No entanto, o presidente garantiu que o piloto escolhido será um dos melhores da categoria. Vale lembrar que o atual bicampeão da categoria, o espanhol Fernando Alonso, é torcedor fanático do Real.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.