Alberto Estevez/EFE
Alberto Estevez/EFE

Recebi ofertas melhores e preferi o Barcelona, diz Marcelinho Huertas

Armador brasileiro foi apresentado oficialmente no time catalão nesta quarta-feira

AE, Agência Estado

21 de setembro de 2011 | 11h56

BARCELONA - O armador brasileiro Marcelinho Huertas foi finalmente apresentado como novo reforço do Barcelona nesta quarta-feira. Logo em sua chegada, o jogador exaltou a equipe catalã, disse que sempre sonhou com este momento e revelou que para acertar com o clube recusou melhores propostas.

"É um privilégio e um sonho jogar em uma equipe como o Barça. Apesar de deixar de ganhar dinheiro, porque tinha outras propostas, preferi vir para cá em busca da felicidade", afirmou Huertas, um dos principais destaques da seleção brasileira que garantiu a vaga nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012.

O jogador vive provavelmente o melhor momento da carreira. No último Campeonato Espanhol foi apontado como o melhor armador, o que o credenciou como um dos principais jogadores da posição no basquete mundial. Assim, a realização do "sonho" de jogar no Barcelona se tornou mais um objetivo alcançado.

"Meu desejo sempre foi poder vestir esta camisa. No meu caso, deixei de ganhar dinheiro em busca da felicidade. Sou um privilegiado, é um sonho", declarou o brasileiro, que já estreou pela equipe catalã, em um amistoso diante do Tarragona Basket, na última segunda.

O esforço de Huertas para acertar com o Barcelona foi reconhecido. "Quero destacar o grande esforço que foi feito pelo jogador para vir ao clube. Ele nos priorizou diante de outros projetos mais interessantes economicamente. É uma mostra de aplicação e compromisso que se traduziu inclusive em uma redução de salário", disse o diretor esportivo responsável pelo basquete no clube, Joan Blade.

Tudo o que sabemos sobre:
basqueteBarcelonaMarcelinho Huertas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.