Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Ribeirão aposta no contra-ataque

Usar a velocidade de um time formado por jovens, como é o COC Ribeirão Preto, em contra-ataques rápidos contra o Flamengo do cestinha Oscar é a estratégia do técnico Lula para a partida desta terça-feira à noite. "Faremos uma forte marcação para tentar parar o ataque, especialmente o Oscar e, assim, jogar no contra-ataque." Ainda devendo quase quatro meses de salários aos jogadores - apesar de ter acertado o referente a um mês - o Flamengo lidera a competição, com 13 pontos (seis vitórias e uma derrota), mas tem um jogo a mais, juntamente com o Unit Uberlândia. O time de Ribeirão aparece em terceiro lugar na tabela de classificação, com 11 pontos em seis jogos (cinco vitórias e uma derrota).Mesmo sem salários, os jogadores do Flamengo terão muito trabalho nos próximos dias, a começar pelo jogo contra o COC, nesta terça-feira. "Será mais uma partida muito difícil diante de um time jovem, com muita disposição e que joga com velocidade", afirmou o técnico Cláudio Mortari. "Temos de manter a regularidade que estamos apresentando até o momento e jogar com calma, sem afobação, para não dar chance de eles jogarem no contra-ataque, o que é muito perigoso", completa o técnico, antecipando a estratégia do adversário.O Flamengo terá de ficar fora das próximas rodadas do Nacional porque também disputará a Liga Sul-Americana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.