Maddie Meyer/AFP
Maddie Meyer/AFP

Rockets vencem Celtics na prorrogação e engatam sexta vitória seguida na NBA

Tempo extra da partida só acontece graças a lance inspirado de Jaylen Brown, que converte arremesso no estouro do cronômetro

Redação, Estadão Conteúdo

01 de março de 2020 | 09h56

Liderado por Russell Westbrook, o Houston Rockets conseguiu uma vitória importante neste sábado. A franquia do Texas derrotou o Boston Celtics na prorrogação, fora de casa, por 111 a 110, na partida mais emocionante da rodada da NBA.

A prorrogação foi forçadas graças a um arremesso de três do time de Boston. No tempo extra, Westbrook brilhou e ajudou a garantir o triunfo apertado para os Rockets, que ocupam o quarto lugar da Conferência Oeste e chegaram à sexta vitória seguida na temporada. Os Celtics estão na terceira posição do Leste.

Westbrook foi o pontuador máximo da partida, com 41 pontos, além de ter contribuído com oito rebotes e cinco assistências. Pelo lado dos Celtics, Jayson Tatum foi o destaque, com 32 pontos, e Daniel Theis se sobressaiu no garrafão, pegando 15 rebotes.

Em Memphis, os Grizzlies, que ocupam a oitava posição do Oeste, destronaram o favoritismo do Los Angeles Lakers, líder isolado da mesma conferência, muito graças à exibição de gala do calouro Ja Morant, que contribuiu com 27 pontos e 14 assistências no triunfo por 105 a 88. O jovem armador de 20 anos teve a ajuda fundamental do pivô lituano Jonas Valanciunas, que foi dominante no garrafão, com 20 rebotes, e anotou um "double-double", ao marcar 22 pontos.

Com o resultado em casa, o time de Memphis deu fim a um jejum de cinco jogos sem vencer e derrubou a invencibilidade de sete partidas dos Lakers de LeBron James e Anthony Davis. A dupla, aliás, não fez um jogo ruim, mas passou longe de repetir os atuações anteriores. LeBron fez 19 pontos, apanhou oito rebotes e deu dez assistências. Davis somou 15 pontos e nove rebotes.

Não foram só os Rockets que conquistaram uma vitória apertada. Em casa, o San Antonio Spurs suou para derrotar o Orlando Magic por 114 a 113. Os visitantes poderiam ter virado no fim, mas a cesta de Evan Fournier não caiu. O ala francês foi o cestinha do jogo, com 23 pontos. Pelo lado dos Spurs, o destaque foi Trey Lyles, dono de 20 pontos e nove rebotes.

O Miami Heat contou com um forte jogo coletivo para superar o Brooklyn Nets por 116 a 113, de modo que sete jogadores alcançaram dígito duplo. Destes sete, quem mais pontuou foi o armador calouro Kendrick Nunn, com 21 pontos. O pivô Bam Adebayo, que participou do último All-Star Game, obteve um "double-double" de 16 pontos e 12 rebotes. O Miami é o quarto do Leste, enquanto os Nets ocupam a oitava colocação da mesma conferência.

O Indiana Pacers passou pelo Cleveland Cavaliers por 113 a 104, fora de casa, e consolidou a boa fase, engatando o terceiro triunfo seguido. TJ Warren foi o protagonista. Ele anotou 30 pontos e saiu de quadra como cestinha da partida. O ala pivô Domantas Sabonis, que somou 18 pontos, 13 rebotes e nove assistências, ficou muito perto de um "triple-double" e também se destacou na vitória que manteve os Pacers no sexto lugar do Leste. Pelos Cavs, último colocado da mesma conferência, o pivô Andre Drummond apareceu bem, com 27 pontos e 13 rebotes.

Veja os resultados dos outros jogos deste sábado:

New York Knicks 125 x 115 Chicago Bulls

Atlanta Hawks 129 x 117 Portland Trail Blazers

Phoenix Suns 99 x 115 Golden State Warriors

Confira a rodada da NBA deste domingo:

Charlotte Hornets x Milwaukee Bucks

Minnesota Timberwolves x Dallas Mavericks

Los Angeles Clippers x Philadelphia 76ers

Denver Nuggets x Toronto Raptors

Sacramento Kings x Detroit Pistons

New Orleans Pelicans x Los Angeles Lakers

Golden State Warriors x Washington Wizards

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.