Rodman, ex-jogador da NBA, é preso por violência doméstica

Ex-atleta do Detroit Pistons e Chicago Bulls teve que pagar R$ 85 mil de fiança; separação conjugal seria a causa

EFE

01 de maio de 2008 | 15h24

O americano Dennis Rodman, ex-jogador de basquete, foi preso na madrugada desta quinta-feira em um hotel de Los Angeles, nos Estados Unidos, por suposta violência doméstica.Rodman, que jogou por Detroit Pistons e Chicago Bulls, foi detido em um hotel de Los Angeles, nos Estados Unidos."Durante a investigação, a Polícia descobriu que ele tinha agredido uma mulher", disse Richard French, porta-voz do Departamento de Polícia de Los Angeles.O ex-jogador de Detroit Pistons e Chicago Bulls foi liberado após pagar uma fiança de U$ 50 mil (aproximadamente R$ 85 mil). Steve Simon, representante de Rodman, disse que ele passa por um momento difícil devido à separação de Michelle Moyer. A ex-mulher proibiu o ex-jogador de visitar seus filhos. "Seu coração está partido. Ele não está vivendo um bom momento", explicou Simon, segundo o jornal Los Angeles Times.O representante atribui ao consumo excessivo de álcool a origem da agressão, que deixou um hematoma no braço da vítima. "O processo legal vai esclarecer o assunto. Espero a chegada das provas que esclareçam isto, pois não é algo característico dele", disse Simon.Em abril de 1999, Rodman se separou da modelo Carmen Electra após um casamento de menos de cinco meses. Há quatro anos, o ex-jogador vendeu sua casa em Newport Beach, na Califórnia, após Michelle pedir o divórcio.Antes da separação, a ex-mulher havia obtido na Justiça uma ordem de restrição temporária que proibia Rodman de se aproximar dela. Durante uma audiência judicial, Michelle alegou que havia sido agredida e ameaçada em janeiro de 2003.Nos documentos judiciais Moyer afirmou ter sofrido "violência doméstica". "A atitude hostil e agressiva, unida ao álcool e à sua estatura, me assustava", disse Moyer.

Tudo o que sabemos sobre:
Dennis RodmanNBA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.