Daniel Nery/Unifacisa
Daniel Nery/Unifacisa

São Paulo bate a Unifacisa e leva decisão da Liga Ouro para o quinto jogo

Pressionado, equipe do técnico Claudio Mortari faz 86 a 82 em Campina Grande e agora vai decidir no Morumbi

Redação, O Estado de S.Paulo

28 de maio de 2019 | 21h34

O campeão da Liga Ouro será conhecido no quinto e último jogo. O São Paulo entrou em quadra pressionado nesta terça-feira, mas teve uma excelente atuação, sobretudo no terceiro período, derrotou a Unifacisa por 86 a 82, em Campina Grande, e agora decide em casa, no ginásio do Morumbi, na sexta-feira, às 20h.

O destaque da partida foi o americano Stocks. Com uma participação decisiva no último quarto, o armador quase fez um triplo-duplo, com 33 pontos, dez assistências e sete rebotes. Ted também fez uma boa partida e anotou 25 pontos. Drudi, que foi a surpresa do técnico Claudio Mortari no quinteto titular, contribuiu com 12 pontos e três rebotes. 

Apenas o campeão tem vaga assegurada na próxima temporada do Novo Basquete Brasil (NBB), desde que cumpra as exigências da Liga Nacional de Basquete. 

O primeiro quarto foi marcado por muito equilíbrio. O São Paulo até conseguiu abrir seis pontos de vantagem em duas oportunidades, mas a Unifacisa buscou o placar e fechou a parcial em igualdade: 22 a 22. Destaque para o pivô Pezão, da equipe da casa, que anotou oito pontos, com 80% de aproveitamento nos arremessos. Pelos visitantes, Ted foi o maior pontuador com nove.

O aproveitamento das equipes despencou no segundo período, com muitos erros. A Unifacisa foi um pouco melhor, converteu 50% (3/6) contra 25% (2/8) do São Paulo nas bolas de três pontos, venceu por 17 a 10 na parcial e foi para o intervalo com vantagem de sete pontos: 39 a 32.

Sabendo que era tudo ou nada, o São Paulo voltou elétrico no terceiro quarto. Com Ted e Jones em destaque, o time visitante rapidamente tirou os sete pontos de desvantagem, virou o placar, fez 27 a 17 na parcial e foi para o último período vencendo por 59 a 56.

A Unifacisa ainda esboçou uma reação no quarto derradeiro, mas o jogo era do São Paulo. A equipe visitante contou com um inspirado Stocks para vencer o jogo. O americano anotou 17 pontos na parcial, com um aproveitamento de 50% nos arremessos de quadra e 100% nos três pontos. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.