Seleção de basquete viaja sem Nenê

A seleção brasileira masculina de basquete viajou neste domingo para a Turquia, onde disputará o Istambul World Cup Basketball, de 31 de julho a 4 de agosto, sem saber ainda se poderá contar com o pivô Nenê. Ele tinha sido liberado pelo Denver Nuggets, da NBA, para participar o torneio. Mas o clube voltou atrás e só deve deixá-lo se apresentar à seleção no dia 20. A direção da Confederação Brasileira de Basquete (CBB) vai tentar nesta segunda-feira um novo contato com o empresário de Nenê para tentar contornar o problema. Sem Nenê, a seleção embarcou com o armador Demétrius sem condições de disputar o torneio. O atleta está com uma fissura no polegar da mão direita e vai permanecer com o grupo para observar as outras seleções e continuar o trabalho físico e de fisioterapia para a recuperação. Como é o capitão da equipe, Demétrius recebeu um pedido do técnico Hélio Rubens para viajar com o grupo. No sábado, integrou-se à equipe o ala Marcelinho, que acabara de chegar dos Estados Unidos. Ele também seguiu para a Turquia. O primeiro jogo do Brasil no torneio será contra Angola, na quarta-feira. Depois, enfrentará China e Turquia na fase inicial. A semifinal será disputada no sábado e o título, no domingo. O torneio representa a fase final de preparação para o Mundial, de 29 de agosto a 8 de setembro, em Indianápolis, nos Estados Unidos. No outro grupo do Istambul World Cup estão Iugoslávia, Canadá, Bulgária e Argélia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.