Spurs atropelam Thunder e abrem 2 a 0 na final da Conferência Oeste

Com grande atuação de Tony Parker, autor de 22 pontos, time texano faz 112 a 77

Agência Estado

22 de maio de 2014 | 08h48

SAN ANTONIO - O San Antonio Spurs simplesmente atropelou o Oklahoma City Thunder na noite da última quarta-feira e abriu 2 a 0 na série melhor de sete das finais da Conferência Oeste da NBA. Em uma partida que ficou longe de ter o equilíbrio esperado nesta fase do campeonato, o time texano aproveitou o fato de atuar em casa e arrasou o adversário por 35 pontos de diferença, com um inesperado placar de 112 a 77.

Mais uma vez os Spurs aproveitaram a ausência do pivô congolês Serge Ibaka, que desfalca o Thunder até o fim dos playoffs por estar contundido, para abusar das infiltrações. Desta forma fez 2 a 0 com facilidade após dois jogos em casa. Agora a série vai para Oklahoma City, mas o time texano depende apenas de vitórias em casa para chegar à decisão da NBA pelo segundo ano seguido.

Ao Thunder, resta contar com o retrospecto. Em 2012, eles também estavam atrás na decisão do Oeste diante do Spurs após perderem os dois primeiros jogos em San Antonio, mas conseguiram reagir. O problema é que o time texano parece muito mais preparado na atual temporada e tem mostrado toda sua superioridade diante do adversário.

Até porque, além da ausência de Ibaka, o Thunder vem mostrando um elenco despreparado para chegar à decisão. Na quarta, o time venceu o primeiro quarto e tinha vantagem de três pontos até o início do segundo, mas aí os reservas entraram e não deram conta do recado. Danny Green acertou duas bolas seguidas de três - terminou com sete - e deu a liderança aos Spurs.

A partir daí, o time texano deslanchou. Venceu o segundo quarto por 34 a 18, o terceiro por 33 a 18 e garantiu a vitória. Por conta da larga vantagem do adversário, Kevin Durant e Russell Westbrook foram para o banco com pouco mais de um minuto restando no terceiro quarto e não voltaram mais para a partida.

Em dia irreconhecível, ambos terminaram com 15 pontos. Durant acertou apenas seis dos 16 arremessos que tentou. Westbrook, sete dos 24. Pelos Spurs, Tony Parker foi o cestinha, com 22 pontos, auxiliado pelos 21 de Danny Green. Tim Duncan ainda anotou 14 pontos e 12 rebotes, enquanto o brasileiro Tiago Splitter terminou com nove pontos e 10 rebotes.

Com a vantagem de 2 a 0 na série, o Spurs vai agora para Oklahoma City, onde disputará o jogo 3 no próximo domingo. Quem vencer a decisão do Oeste terá pela frente na final da NBA o campeão do Leste, que sai do duelo entre Miami Heat e Indiana Pacers. A série está empatada em 1 a 1 e o jogo 3 acontecerá no sábado, em Miami.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.