Marcio Jose Sanchez/AP
Marcio Jose Sanchez/AP

Stephen Curry dá show e Golden State abre 2 a 0 nas finais da NBA

Warriors não tomam conhecimento dos Cavaliers e vencem jogo em casa por 122 a 103

O Estado de S.Paulo

03 Junho 2018 | 23h49

Com um show de Stephen Curry no último quarto, o Golden State Warriors ganhou de 122 a 103 do Cleveland Cavaliers e abriu 2 a 0 na série melhor de sete jogos das finais da NBA. O jogador foi o cestinha da partida com 33 pontos, enquanto do outro lado LeBron James anotou 29 pontos. O próximo duelo será na quarta-feira, às 22 horas, em Cleveland.

+ Após dois vices, Paulistano vence Mogi e conquista título inédito do NBB

+ Campinas vence Sampaio em casa e conquista o título da Liga de Basquete Feminino

No primeiro quarto, o duelo começou equilibrado, mas sempre com o time da casa em vantagem. LeBron tentava empurrar sua equipe para frente, mas seus companheiros não atuavam no mesmo nível. E mesmo com dez pontos, seis rebotes e seis assistências, os Cavaliers perderam na primeira parcial por 32 a 28.

Só que no segundo quarto, os quatro pontos de diferença foram aumentando aos poucos e o Golden State Warrior foi ampliando o marcador, principalmente com Stephen Curry, que acertou sua primeira bola de três pontos e colocou a vantagem para dois dígitos. Os erros dos Cavaliers continuavam e na metade do jogo a vitória dos donos da casa era de 59 a 46 (27 a 18 no segundo quarto).

Após o intervalo, todo adversário teme ver os Warriors darem um show, pois costumam brilhar no terceiro quarto. Mas o time de Cleveland, comandado por LeBron, não estava disposto a entrar nessa estatística. Com um bom poder ofensivo, conseguiu fazer 34 a 31 na parcial, diminuindo a vantagem dos rivais para dez pontos.

Mas se os Cavaliers tinham alguma esperança, ela foi pelo ralo com os arremessos de três pontos de Stephen Curry. No quarto período, ele acertou a mão e atingiu o recorde de acertos de longa distância nas finais da NBA, com nove tiros certeiros. "Significa muito esse recorde para mim", confessou Curry.

Nos últimos minutos do duelo, as principais estrelas ficaram descansando no banco e o Golden State fechou o quarto em 32 a 23, se aproximando mais do título da temporada. Agora o duelo vai para a casa do adversário, mas o favoritismo dos Warriors continua enorme. "Vamos manter o mesmo foco em Cleveland. Queremos jogar basquete e curtir o momento", avisou Curry.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.