Time de Damiris perde e fica fora da final da WNBA

Fora de casa, equipe de Minnesota encerrou sua participação no torneio após perder a última partida da melhor de três por 96 a 78

Estadão Conteúdo

03 Setembro 2014 | 10h14

A supremacia do Minnesota Lynx na Conferência Oeste da WNBA, a liga norte-americana de basquete enfim chegou ao fim. Na noite de terça-feira, a equipe da brasileira Damiris acabou encerrando a participação no torneio ao ver se encerrar a série melhor de três jogos da decisão do Oeste com a derrota por 96 a 78 para o Phoenix Mercury, fora de casa. 

Assim, o Phoenix Mercury, que havia feito a melhor campanha da conferência na temporada regular, fechou o confronto em 2 a 1, conquistou o título do Oeste e se classificou para a decisão da WNBA, que será contra o campeão da Conferência Leste - a decisão entre Chicago Sky e Indiana Fever está empatada em 1 a 1.

Diana Taurasi liderou o Mercury no triunfo na noite de terça-feira ao anotar 31 pontos. Já Damiris teve atuação bem discreta na partida, sem anotar pontos e obtendo apenas uma rebote nos nove minutos em que permaneceu em quadra. Na temporada regular, os seus números foram melhores, com a brasileira sendo titular em 23 da 30 partidas, com medias de 6 pontos e 5,1 rebotes pelo Lynx.

O time de Minnesota era o atual tricampeão da Conferência Oeste da WNBA, além de ter vencido a liga norte-americana de basquete em 2011 e em 2013. Agora, porém, está fora da decisão do torneio.

A eliminação abre espaço para Damiris se apresentar ao técnico da seleção brasileira, Luiz Augusto Zanon, nesta quinta-feira, quando a equipe intensificará a preparação para o Mundial de Basquete, que será disputado entre os dias 27 de setembro e 5 de outubro na Turquia.

Além de Damiris, outras duas brasileiras da WNBA foram chamadas por Zanon: Érika e Nádia. Ambas defendem o Atlanta Dream, time que foi eliminado nas semifinais da Conferência Leste pelo Chicago Sky.

A seleção brasileira está no Grupo A do Mundial, com sede em Ancara, e terá como adversários a República Checa (27 de setembro), a Espanha (dia 28) e o Japão (dia 30) na primeira fase.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.