Time ideal da NBA é eleito com 15 americanos e nenhum estrangeiro

Pela primeira vez neste século, o time ideal da NBA, formado por 15 atletas no total, não tem a presença de nenhum jogador que não dos Estados Unidos. A equipe, anunciada nesta quinta-feira, horas antes do jogo que pode definir o Oklahoma City Thunder como primeiro finalista da temporada, foi escolhida por uma comissão de 129 jornalistas do EUA e do Canadá.

Estadão Conteúdo

26 de maio de 2016 | 19h02

Eleito MVP de forma unânime por essa mesma comissão, Stephen Curry, armador do Golden State Warriors, foi indicado pelos 129 votantes para o time titular. LeBron James recebeu 125 votos e entrou na equipe pela 10.ª vez. Está a uma de igualar Kobe Bryant e Karl Malone.

Russell Westbrook, do Thunder, também foi uma escolha muito perto de ser unânime. Apenas nove jornalistas preferiram colocar o craque dos playoffs no time reserva da temporada. Com 94 votos para o primeiro time e 35 para o segundo, Kawhi Leonard, do San Antonio Spurs, ficou com a vaga de ala-pivô.

Os jornalistas só se dividiram na escolha do pivô. DeAndre Jordan (Los Angeles Clippers) levou leve vantagem sobre DeMarcus Cousins (Sacramento Kings) e entrou no time titular.

Rivais na final do Oeste, Kevin Durant (Oklahoma City Thunder) e Draymond Green estão no segundo time junto com Cousins, Chris Paul (Los Angeles Clippers) e Damian Lillard (Portland Trail Blazers), que teve a honra de ser eleito o melhor armador exceto Curry.

Já o terceiro time foi formado por Paul George (Indiana Pacers), LaMarcus Aldridge (San Antonio Spurs), Andre Drummond (Detroit Pistons), Klay Thompson (Golden State Warriors) e Kyle Lowry (Toronto Raptors). O curioso é que tanto o Cavaliers quanto o Raptors, que decidem a Confederência Leste, só tiveram um indicado. Enquanto isso, são três do Warriors, dois do Thunder, dois do Spurs e dois do Clippers.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.