Trail Blazers quebra seqüência de vitórias do Lakers

Ala/armador Kobe Bryant marca 33 pontos, mas não consegue evitar a derrota diante do rival de Portland

Efe,

01 de março de 2008 | 12h33

O Portland Trail Blazers venceu pelo placar de 119 a 111 o Los Angeles Lakers, na noite desta sexta-feira, quebrando uma seqüência de 10 vitórias seguidas do adversário na NBA. O ala/armador Brandon Roy, que ficou fora das últimas duas partidas por causa de uma lesão no tornozelo direito, retornou e registrou 20 pontos, deu 12 assistências e levou o Blazers (31 vitórias e 28 derrotas) à vitória. A equipe conseguiu duas vitórias seguidas e está em terceiro na Divisão Noroeste, enquanto o Lakers (41 vitórias e 18 derrotas), lidera a Divisão Pacífico, com uma partida e meia de vantagem sobre o Phoenix Suns. Se Roy fez um retorno triunfal, o ala LaMarcus Aldridge também marcou presença com 22 pontos, ajudando a quebrar também uma seqüência de sete triunfos seguidos que o Lakers tinha jogando como visitante. O Lakers, que não perdia desde o dia 6 de fevereiro, foi comandado pelo ala/armador Kobe Bryant, que marcou 33 pontos, enquanto o ala Lamar Odom e Luke Walton fizeram 17 cada um. O espanhol Pau Gasol marcou 15 pontos em 36 minutos, convertendo 4 de 10 arremessos de quadra e 7 de 8 lances livres, pegou nove rebotes e deu quatro assistências. O espanhol ficou a apenas um rebote de conseguir seu 21.º double-double da temporada, que teria sido seu terceiro consecutivo. RESULTADOS DESTA SEXTA-FEIRA:Toronto Raptors 111 x 122 Indiana PacersAtlanta Hawks 99 x 93 Nova York-KnicksBoston Celtics 108 x 100 Charlotte BobcatsCleveland Cavaliers 92 x 84 Minnesota TimberwolvesNew Orleans Hornets 110 x 98 Utah JazzChicago Bulls 91 x 97 Washington WizardsDallas Mavericks 115 x 106 Sacramento KingsHouston Rockets 116 x 95 Memphis GrizzliesDenver Nuggets 110 x 104 Los Angeles ClippersGolden State Warriors 119 x 97 Philadelphia SixersPortland Trail Blazers 119 x 111 Los Angeles LakersSeattle Supersonics 93 x 103 Miami Heat

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.